26.4 C
Rio de Janeiro
sábado, janeiro 16, 2021

“Orange”

A participação do capital estrangeiro na indústria de derivados de soja saltou de 10%, em 1995, para 43%, apenas dois anos depois. No setor de suco de laranja, o aumento foi 10,6% para 24,2% nos oito primeiros meses da década de 90. Os dados constam da dissertação de mestrado da economista Maristela Franco Paes Leme, uma das ganhadoras do Prêmio Santista Juventude deste ano. A pesquisadora adverte que as fusões e aquisições podem aumentar ainda mais o poder do monopólio. “Os órgãos de defesa da concorrência devem estar atentos para evitar que abusos de poder de mercado prejudiquem produtores rurais, pequenas empresas e os próprios consumidores”, defende.

Em baixa
Comentário do professor do Instituto de Economia da UFRJ Cláudio Salm sobre o PIB mexicano, que este ano deve superar o brasileiro, resultando na perda da liderança econômica latino-americana pelo Brasil, como noticiou o MM no fim de semana: “Muito mais importante do que o PIB é a renda per capta e a do México deve estar bem melhor há muito tempo, já que sua população é menor. O Brasil tem PIB maior do que países como Holanda e Dinamarca, mas a população também é infinitamente maior do que a daquelas nações.”

Boa$ jogada$
Em nome da transparência – ungida como palavra da moda – esta coluna sugere a todos os jogadores convocados para a seleção e/ou pretendentes, bem como a seus empresários, que revelem o nome de seus patrocinadores e dos contratos de publicidade já acertados ou engatilhados para serem exibidos durante as Olimpíadas de Sidney. Com certeza, ajudaria o distinto público a entender muito melhor o lobby pró-salvador da pátria.

Prevenção
O Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia do Rio de Janeiro (Crea-RJ), o Movimento de Cidadania pelas Águas, o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) e o Greenpeace estão preparando um abaixo assinado a ser encaminhado ao Congresso Nacional e ao governo federal solicitando a apreciação, em caráter de urgência urgentíssima, dos projetos de lei sobre moratória para o plantio de transgênicos. Segundo o documento, o objetivo é “permitir que se pesquise exaustivamente os efeitos dos transgênicos para a saúde humana e animal, bem como para o meio ambiente”, e permitir um amplo debate sobre a conveniência da introdução desses plantios. O documento exige ainda a rotulagem de produtos transgênicos, como determina o Código do Consumidor, e a rigorosa fiscalização das importações.

Reconhecimento
No dia 27 de outubro o ministro Octávio Gallotti se aposenta do Supremo Tribunal Federal. Para a sua vaga, o presidente FH tem algumas opções, entre as quais a nomeação de uma mulher, que se tornaria a primeira na história do país a ocupar um lugar no STF, o que lhe permitiria fazer uma média com o eleitorado feminino. As mais cotadas são as juízas Denise Frossard, Ada Pelegrini e Maria Lúcia Vale Figueiredo.
O nome favorito, entretanto, é o do atual advogado geral da União, Gilmar Ferreira Mendes, com extensa folha corrida em defesa da atual política econômica e das medidas provisórias, tão ao gosto de FH. É pule de dez!

Prioridade
Sinopse da execução do Orçamento elaborada pela consultoria de Orçamento e Fiscalização Financeira da Câmara de Deputados ajuda a entender o crescente desconforto do ministro Pedro Malan com o Plebiscito sobre a Dívida Externa, promovido pela CNBB. Os dados mostram que, entre janeiro e junho, 69,4% de todas as despesas realizadas foram consumidas pelo pagamento de juros e amortização das dívidas interna e externa. Essa conta custou ao país R$ 222,4 bilhões. Desse total, 63,4% foram destinados à amortização das dívidas e 6% a juros e encargos.
Apenas a título de comparação, os gastos em administração e programas sociais receberam apenas R$ 12,5 bilhões do tucanato.

Artigo anteriorPassividade
Próximo artigoOutro lado
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Grande produtor rural não paga impostos

Agronegócio alia força política a interesses do mercado financeiro.

Não foi a disrupção que derrotou a Ford

Mercado de automóveis está mudando, mas montadora sucumbiu aos próprios erros e à estagnação que já dura 6 anos.

Quantas mortes pode-se debitar na conta de Bolsonaro?

Se índice de óbitos por Covid-19 no Brasil seguisse a média mundial, teriam sido poupadas 154 mil vidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Varejo sente redução no auxílio e alta da inflação

Comércio ficou estável em novembro e quebrou sequência de recuperação.

Senado quer que Pazuello se explique

Pedido de convocação para cobrar ação do Ministério da Saúde no Amazonas.

Lenta recuperação na produção industrial dos EUA

Setor ainda está 3,6% abaixo do nível anterior à pandemia.

Realização de lucros em âmbito global

Bolsas europeias e os índices futuros de NY operam em baixa nesta manhã de sexta-feira.

Desaceleração deve vir no começo do primeiro trimestre

Novo pacote de estímulo fiscal, bem como o avanço da imunização, deve garantir reaceleração em direção ao final do período.