Pagamento de contas atrasadas é o principal destino do saque-aniversário do FGTS

102
Contas de água e de luz (Foto: J.C.Cardoso)
Contas de água e de luz (Foto: J.C.Cardoso)

Pagar contas atrasadas e do dia-a-dia, arcar com despesas médicas e comprar alimentos são os principais destinos dos recursos levantados pelas pessoas via antecipação do saque-aniversário do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Esta é a conclusão de uma pesquisa realizada pelo Datafolha entre 27 de março e 11 de abril a pedido da Associação Brasileira de Bancos (ABBC), Associação Brasileira de Internet (Abranet) e da Zetta, associação de empresas de tecnologia que oferecem serviços financeiros digitais.

Para 73% dos entrevistados optantes pelo saque-aniversário, o principal motivo para uma contratação de antecipação dos recursos seria pagar contas que estão atrasadas; na sequência estão pagar contas do dia-a-dia (66%), pagar despesas médicas (63%) e comprar alimentos (62%). A ordem de prioridades muda um pouco quando são considerados recortes por faixa de renda. Entre as pessoas das classes D/E que optaram pelo saque-aniversário, 81% usaram ou usariam a antecipação para pagar contas atrasadas (53% no caso das classes A/B); 74% para pagar despesas médicas (48% A/B); 73% para pagar contas do dia-a-dia (39% A/B); e 71% para comprar alimentos (44% A/B).

O levantamento também indica que, dos entrevistados optantes pelo saque-aniversário, 61% já tomaram o empréstimo para sua antecipação alguma vez; destes, 64% indicam que o valor disponibilizado via crédito foi suficiente para realizar os principais objetivos para sua contratação. Além disso, para nove em cada dez pessoas foi de alguma forma importante ter antecipado seu acesso ao saque-aniversário via linha de crédito. Vale lembrar que a maior parte dos optantes pelo saque aniversário é formada por mulheres, moradores de cidades do interior e pessoas da classe C.

Entre os optantes pelo saque-aniversário, 93% concordam que desejam ter liberdade para utilizar seu FGTS quando acharem melhor; 90% que ter a opção de pegar um empréstimo via antecipação do FGTS é uma oportunidade de acesso a crédito para quem não tem outras opções (quem está negativado, vê o saque-aniversário como uma das únicas opções viáveis); 86% que pegar o dinheiro do saque-aniversário é uma segurança para emergências financeiras; e 79% concorda que o empréstimo de antecipação do FGTS não compromete a renda mensal.

Espaço Publicitáriocnseg

Sob encomenda de ABBC, Abranet e Zetta, a pesquisa foi realizada entre 27 de março e 11 de abril de 2024, via entrevistas por telefone, com 1.005 pessoas. O público alvo é a população com conta ativa ou inativa no FGTS, com mais de 16 anos, de todas as classes econômicas e das cinco regiões do país. A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais, para mais ou para menos, dentro do nível de confiança de 95%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui