PEC do calote quer elevar Bolsa Família para R$ 400

Proposta é parcelar dívidas reconhecidas pela justiça para criar o Auxílio Brasil.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que procura viabilizar a ampliação do Bolsa Família foi entregue na noite desta segunda-feira ao congresso pelos ministros da Casa Civil, Ciro Nogueira, e da Secretaria de Governo, Flavia Arruda.

Segundo o site G1, a proposta não traz valor definido, mas os líderes políticos defendem um valor de R$ 400. A equipe econômica defende R$ 300. O benefício, que passaria a se chamar Auxílio Brasil, seria ampliado para atender a 17 milhões de famílias – hoje são cerca de 14 milhões.

Para viabilizar o projeto, visto como tábua de salvação de Jair Bolsonaro em sua tentativa de reeleição no ano que vem, a PEC propõe, de acordo com matéria do jornal O Globo, parcelar o pagamento de precatórios devidos pela União. Como precatórios já são dívidas vencidas, reconhecidas pela justiça, há quem diga que a PEC inaugura o “calote do calote”.

Leia também:

Taxa de informalidade no mercado de trabalho sobe para 40%

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

SP: alimentação puxa alta no preço da cesta básica

Segunda prévia do IGP-M variou negativamente em relação à segunda prévia do período anterior, mas avança ante a última divulgação.

Jovem baixa-renda é mais requisitado para voltar a trabalho presencial

Quanto menor a renda familiar, maior o percentual; brasileiros de 18 a 25 anos somam 42% das contratações temporárias no primeiro semestre.

Comerciários do Rio têm aumento

Já em São Paulo, emprego no comércio registra a maior alta mensal desde novembro de 2020.

Últimas Notícias

A desigualdade entre os ‘iguais’

Por Rafael Luciano de Mello.

SP: alimentação puxa alta no preço da cesta básica

Segunda prévia do IGP-M variou negativamente em relação à segunda prévia do período anterior, mas avança ante a última divulgação.

Jovem baixa-renda é mais requisitado para voltar a trabalho presencial

Quanto menor a renda familiar, maior o percentual; brasileiros de 18 a 25 anos somam 42% das contratações temporárias no primeiro semestre.

Formbook afetou mais de 5% das organizações

Capaz de capturar credenciais e registrar digitação de teclado, malware figurou em segundo lugar no ranking mensal do país.