Pequeno engano

Questionada, em 2004, sobre a razão de estar sendo providenciada a sexta rodada de licitações de campos de petróleo, enquanto o preço do produto aumentava fortemente no exterior, a então ministra das Minas e Energia, Dilma Rousseff, leu relatórios de consultores estrangeiros e nacionais dizendo que o preço do barril iria se estabilizar em cerca de US$ 30 até o fim daquele ano. No último dia útil de 2004, o preço passou de US$ 40. Agora, já navega na faixa de US$ 60.

Simples assim
A Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan), em carta à governadora do Rio, Rosinha Garotinho (PMDB), sugere alterações no Simples estadual, a exemplo do que fez o governo paulista, para que as faixas de impostos para micro e pequenas empresas fiquem alinhadas com os novos limites de enquadramento revistos pelo governo federal, que aumentou os limites para inclusão para R$ 240 mil (microempresas) e R$ 2,4 milhões (empresa de pequeno porte).
“Com a alteração do Simples paulista, ampliou-se o limite de isenção do ICMS para empresas que auferirem receita bruta anual até R$ 240 mil por ano e evitou-se que as empresas de pequeno porte, com receita bruta até R$ 2,4 milhões anuais, precisem migrar para outro regime tributário”, explica a federação fluminense.

Limpeza
Noves fora as CPIs de Brasília, o Brasil tem 600 mil brasileiros que ganham a vida limpando a sujeira dos outros. Esse é o número de empregos diretos em todo o país gerados pelo setor de limpeza institucional, que, ano passado, movimentou cerca de US$ 4 bilhões, 5% a mais que o ano anterior. Na  próxima quarta-feira, a Associação Brasileira do Mercado Institucional de Limpeza (Abralimp), maior entidade do setor da América Latina, empossa, na sua sede em São Paulo, a nova diretoria, presidida por João Gustavo Haenel Filho, reeleito para a gestão deste ano.

Turista amigo
O curso de Turismo da UniverCidade e a Secretaria Especial de Turismo da Prefeitura do Rio lançam neste domingo a Campanha O Turista é um amigo – Cuide bem dele. Idealizada pelos professores Bayard Boiteux e Maurício Werner, o projeto tem como objetivo manter acesa no carioca a receptividade, uma das características mais elogiadas pelos visitantes da cidade. Cartazes apresentarão o “Decálogo do comprometimento do carioca com o turismo”.

Santos no Rio
A governadora do Rio, Rosinha Garotinho (PMDB), criticou a decisão da Petrobras de transferir para o Estado de São Paulo sua unidade de negócios. Afirmou que “a Bacia Santos está localizada no litoral do Rio. E mais uma vez essa atitude comprova as minhas palavras de que eu não sou contra o presidente Lula. Luto em defesa do Rio”. Rosinha confirmou que o candidato do PMBD ao governo fluminense será o senador Sérgio Cabral.

Hacker e analfa
A nova geração de hackers não é sinônimo apenas de destruição de arquivos e programas de computadores. Além de ameaçarem o patrimônio alheio, os vírus que enviam pela rede foram transformados em predadores da língua portuguesa. Esta semana, esta coluna recebeu e-mail, que sob a capa de suposta promoção de uma operadora de celular, anunciava que o receptor fora sortiado. Foi para lixeira, com direito a dicionário…virtual.

Mutações
O prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Faria – no PT até o fechamento desta coluna – ensaia uma aproximação mais estreita com o prefeito do Rio, César Maia (PFL), um dos seus principais cabos eleitorais na campanha para a prefeitura. A informação é de um dirigente da Baixada Fluminense do PCdoB, partido do qual Lindberg se reaproximou e emplacou bom número de secretários no seu governo. Boa parte deles, ex-líderes estudantis de um tempo que em Lindberg pronunciava discursos que causariam arrepios no atual prefeito iguaçuano.

Mais uma
Esta coluna não tem bola de cristal nem consulta os babalorixás, mas antevê que as eleições chilenas, neste fim de semana, trarão, como já se tornou recorrente, novos embaraços aos institutos de opinião pública. A última pesquisa divulgada, do instituto Mori, apontou diferença de cinco pontos percentuais entre Michelle Bachele, candidata da governista Concertaçao – espécie de coalização entre petistas e tucanos chilenos – e Sebastián Pinera, da Renovação Nacional – da direita pinochetista constrangida.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

É urgente a revogação da PPI

Federação do Fisco taxa PEC de Bolsonaro de eleitoreira.

Olavo de Carvalho, quem diria, já escreveu no MM

Críticas à ‘Nova Ordem Mundial’, ‘Globo’, ‘Time’ e Garotinho.

Commodities voltam a subir e ameaçam inflação

Brasil dependerá, mais que nunca, do comportamento do real frente ao dólar.

Últimas Notícias

Prazo para Apresentação do 3º Ciclo da Oferta Permanente

A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) informou nesta quinta-feira que todas as empresas inscritas interessadas em participar do 3º Ciclo...

Governo aposta na abertura do mercado de gás natural em Rondônia

O governo acredita que a abertura do mercado de gás natural no estado de Rondônia vai potencializar a exploração de gás na bacia dos...

Faturamento da mineira Lett avançou 70% em 2021

A Lett, startup mineira especialista em Trade Marketing Digital, reportou que em apenas 12 meses, a empresa conseguiu um aumento de mais de 70%...

Relatório lista marcas chinesas como globalmente mais fortes

Várias empresas chinesas figuram entre as marcas mais fortes e de crescimento mais rápido do mundo listadas pelo relatório “Global 500 2022”, da consultoria...

Brasil quer retaliar países em disputas paralisadas na OMC

O Congresso Nacional vai analisar uma medida provisória que autoriza o Brasil a suspender concessões e até retaliar membros da Organização Mundial do Comércio...