Perfil de risco visto pelas corretoras

Uso do Questionário de Perfil de Investidor, chamado de suitability, que tem como função identificar seu apetite de risco

Para operar nos mercados de valores mobiliários, os investidores precisam ter uma conta ativa em uma corretora de investimentos. Ao abri-la, é necessário realizar cadastro com dados pessoais como nome completo, CPF, data de nascimento e nacionalidade, e também informações sobre rendimentos e situação patrimonial. Além desses dados, o cliente ainda precisa preencher um Questionário de Perfil de Investidor, chamado de suitability, que tem como função identificar seu apetite de risco, considerando seus objetivos e conhecimento sobre produtos do mercado.

Esses dados são solicitados por todas as corretoras e agentes de investimentos aos seus clientes por exigência de uma resolução da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a ICVM 539. Com essas informações, a corretora é capaz de conhecer mais sobre o investidor e atribuir a ele um perfil de risco, para então oferecer os produtos que sejam compatíveis com seus conhecimentos de mercado e objetivos de investimento.

Os perfis geralmente são definidos entre conservador, moderado e arrojado, de acordo com a aceitação ao risco e tempo esperado para retorno dos investimentos. Além disso, os investidores também são classificados de acordo com a renda e o volume disponível para investimento como varejo, qualificado e profissional. O investidor de varejo é o investidor individual, que não investe grandes volumes; o qualificado é o investidor que tem mais de R$ 1 milhão disponível; já o profissional dispõe de mais de R$ 10 milhões em investimentos.

Preenchimento

“A declaração correta dos dados e dos objetivos é importante porque os agentes e as corretoras só podem fazer recomendação de produtos que estejam alinhados ao perfil de risco do investidor. Alguém com perfil conservador não deve receber recomendação de investimento de ações ou fundos com alta volatilidade e maior risco de perda, por exemplo, tampouco um investidor de varejo deve ter acesso a investimentos voltados para os qualificados. Se isso acontecer, e o cliente se sentir prejudicado, ele pode abrir uma denúncia contra a corretora ou o agente na BSM e na CVM”, explica Andre Demarco, diretor de Autorregulação da BSM Supervisão de Mercados.

Além de corretoras e agentes não poderem sugerir investimentos que estejam fora do perfil do investidor, eles também não podem pressionar o cliente a mudar seus objetivos e informações de renda no formulário a fim de oferecer acesso a produtos que não estejam de acordo com o perfil verdadeiro.

Por fim, as instituições financeiras devem alertar seus clientes quando a carteira estiver chegando próximo do desenquadramento por conta de um resgate das aplicações ou mesmo da volatilidade do mercado (chamado de desenquadramento passivo). O aviso pode ser feito pelos canais digitais da instituição e/ou por meio de relatórios enviados aos clientes ou extratos das posições de investimento.

Leia também:

B3 lança fundo para investir em startups

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Mercado de trabalho nos próximos meses pode continuar frágil

Segundo especialistas, no segundo semestre, oportunidades poderão se concentrar no mercado de trabalho informal.

Bitcoin perde os US$ 19 mil. Pirâmide começa a desmoronar?

Oficiais chineses chamam criptomoeda de maior esquema Ponzi da história.

Acusações de palhaça e possível ação da CVM fazem ação da TC desabar

Papéis chegaram a recuar mais de 25% no pregão desta quinta-feira.

Últimas Notícias

Geladeiras devem exibir nova etiqueta de eficiência

Comércio varejista tem prazo até 30 de junho de 2023 para continuar vendendo os produtos com a etiqueta antiga.

Mercado pet deve crescer 14% em 2022

Chile é o país que mais importou produtos pets brasileiros no primeiro trimestre; setor prevê novas exportações neste ano.

FGTS vira moeda do governo para movimentar a economia

Atualização monetária das contas do Fundo não acontece e trabalhador continua no prejuízo.

EUA: tiroteio em escola bate maior número em 20 anos

Segundo relatório, houve apenas 23 incidentes com vítimas fatais durante o ano letivo de 2000/2001.

Bebidas Online busca captar R$ 2 milhões com pessoas físicas

Com crescimento projetado de 19% para 2022, startup de delivery de bebidas usará recursos nas áreas de marketing, desenvolvimento de produtos e expansão do time