Pix: 73 milhões de transações em um dia

 População adquire novos comportamentos financeiros.

No último dia 6 (sexta-feira), o Pix bateu recorde de transações em um único dia: foram 73.198.432 operações em 24 horas, segundo dados do Banco Central. Trata-se de um crescimento aproximado de 10 milhões de transações no comparativo com o recorde anterior, do dia 7 de abril deste ano. Para o especialista em regulação José Luiz Rodrigues, essa é uma certeza de que o Pix está sendo fundamental para que a sociedade evolua cada vez mais para hábitos digitais no cenário financeiro.

“Quando houve a implementação do Pix, o desafio foi além de oferecer um meio de pagamento mais rápido e seguro, mas também de mudar o comportamento predominante de uma população que atua em massa com o dinheiro físico. Se no primeiro momento o Pix conseguiu superar as transações via TED, DOC e boleto, agora estamos falando de uma sociedade que está incluindo o pagamento digital não só nas transações que já realizava virtualmente, mas no seu dia a dia”, explica José Luiz, que também é sócio da JL Rodrigues & Consultores Associados.

Para o especialista, o crescimento do Pix também afetou a gestão dos negócios, já que houve uma mudança na dinâmica dos empreendedores, principalmente os pequenos, de possuírem menos dinheiro em caixa. Outra modificação ocorreu nas instituições financeiras, alterando a receita obtida na prestação de serviços de pagamentos: se antes elas ganhavam por valores transacionados, hoje elas ganham pela quantidade de transações.

Em paralelo ao Pix, outros serviços financeiros seguem em desenvolvimento com a ajuda de ambientes como o sandbox regulatório, um ambiente supervisionado no qual empresas tradicionais e fintechs podem apresentar projetos e testar tecnologias financeiras sob supervisão dos órgãos reguladores. Há também a evolução do open banking para o Open Finance.

“O open banking foi, basicamente, a integração dos serviços financeiros em um mesmo ambiente digital, onde o compartilhamento e a migração de dados ganham segurança e praticidade. E o Open Finance é quando são compartilhados dados além dos tipicamente bancários, como seguro e previdência, por exemplo. É algo literalmente revolucionário porque afetará a vida de todos os consumidores de serviços financeiros, e a tendência é que as pessoas tenham cada vez mais produtos e serviços à sua disposição, desenvolvidos para atender diferentes necessidades e perfis de consumo”.

José Luiz conclui que o mercado financeiro brasileiro chegou a um patamar digital que só tende a evoluir e a incluir pessoas, mas para que isso aconteça é necessário atrelar tecnologia à educação financeira.

“Juntamente com a disponibilidade do Pix, das instituições de pagamentos, dos iniciadores de pagamentos e de outros serviços, é necessário proporcionar condições para que a população faça uso dessas ferramentas e dos serviços oferecidos por esses players. Por exemplo, que ela tenha acesso à internet e pacotes de telefonia mais baratos. Falamos em substituição do uso do dinheiro físico, mas o Brasil tem grande dimensão e diferenças sociais e culturais muito marcadas. O uso do dinheiro físico permanecerá por um longo tempo, mas tende a diminuir à medida que as pessoas tenham mais acesso a dispositivos e internet, e assim mudar hábitos culturalmente estabelecidos”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Healthtechs e edtechs rivalizam com fintechs por investidores

Startups de saúde e de educação se aproximam das empresas de tecnologia financeira na disputa pelos aportes

Mercados dão continuidade a movimento negativo visto desde ontem

Bolsas e commodities cedem, enquanto as curvas de juros dão um alívio; moedas são a exceção e avançam contra o dólar.

FIIs do Hospital da Unimed Campina Grande está sendo negociado na B3

Ativo soma-se ao portifólio de produtos que possibilitam ao investidor qualificado a diversificação de sua carteira

Últimas Notícias

Cana: safra começa com qualidade e produtividade inferiores à anterior

Indicadores de qualidade e produtividade em abril são negativos, mas clima pode contribuir para a recuperação.

Ford anuncia venda da fábrica de Taubaté

No ano passado, montadora anunciou o fim de suas atividades no país.

Títulos chineses detidos por instituições estrangeiras diminuem

Instituições estrangeiras diminuíram suas participações em títulos interbancários chineses, segundo um relatório divulgado pela sede do Banco Popular da China em Shanghai.

Operações financeiras de Shanghai estão estáveis apesar da epidemia

O centro financeiro da China, Shanghai, conseguiu manter suas operações financeiras estáveis apesar do recente ressurgimento da COVID-19.

Carga de energia aumentou 2,2% em abril ante 2021

ONS: Subsistema Sudeste/Centro-Oeste registra variação positiva de 4,8%.