Pizza de carne

38

Diante dos constantes casos de corrupção que envolveram gestores de órgãos do governo, auditores fiscais federais agropecuários reforçam a importância da ocupação de cargos por meritocracia, sem indicação política, principalmente nas superintendências federais do setor agropecuário. A categoria reivindica a medida, mas, de acordo com o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais Federais Agropecuários (Anffa Sindical), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) não parece interessado em atender ao pleito, e as indicações políticas no governo devem continuar.”

O texto acima iniciou nota publicada pela coluna em 14 de março. Três dias depois, a Polícia Federal deflagrou a Operação Carne Fraca. Ao final do dia, o Ministério da Agricultura afastou preventivamente 33 fiscais.

Não se tratava de informação privilegiada da coluna. Apenas conclusão baseada em operações como a Semilla, em 2015, no Rio Grande do Sul, e a Abate, em 2008, em Rondônia, que revelaram envolvimento dos superintendentes em esquema que beneficiava empresas do setor agropecuário e agroindustrial.

Apesar dos panos quentes tentando abafar a Carne Fraca, da retirada do noticiário do ministro da Justiça, Osmar Serraglio, e aparando os exageros da PF, espera-se – para o bem da digestão – que tudo não termine em pizza de carne.

Na pressão

A coluna esqueceu, mas um leitor lembrou, que as agências de rating desempenham papel importante na pressão sobre países emergentes. Foi só a África do Sul substituir um ministro da Economia bem visto pelo mercado por um mais independente para a S&P rebaixar a classificação do país, e a Moody’s colocar o rating em perspectiva negativa.

Óleo na água

A Associação de Terminais Portuários Privados (ATP) recebeu em sua sede, em Brasília, no final de março, representantes das áreas técnicas das empresas associadas para debater a Resolução Conama 398/08, que dispõe sobre o conteúdo mínimo do plano de emergência individual para incidentes de poluição por óleo em águas sob jurisdição nacional.

A entidade vai encaminhar as contribuições à Antaq. Luciana Guerise, diretora-executiva da ATP, disse que “o plano de emergência estabelecido na Resolução impõe inúmeros procedimentos que podem ser aperfeiçoados, para que o resultado esperado – o de conter danos ambientais – seja executado com maior eficiência”.

Data venia

Big data se expande por áreas não previstas, como o Direito. A grande quantidade de dados em um processo ou investigação levou a Faculdade de Direito do IDP São Paulo a lançar o primeiro curso de curta duração em “Ciência de dados aplicada ao Direito”.

Com a gigantesca quantidade de dados gerados diariamente, há uma demanda crescente para a utilização e análise de big data aliada ao uso de inteligência artificial, de estatísticas, predição, automação de procedimentos, entre diversas outras possibilidades”, explica Alexandre Zavaglia Coelho, coordenador do curso e diretor executivo do IDP SP.

Com início no dia 10 de abril, o curso está dividido em três módulos. Outras informações pelo relaci[email protected]

Rápidas

O relator do projeto de terceirização, deputado federal Laercio de Oliveira (SD-SE), foi confirmado para participar do ConstruBR 2017 – Congresso Brasileiro da Construção, organizado pelo SindusCon-SP, nesta quinta-feira, no São Paulo Expo, dentro da programação da Feicon-Batimat *** A Cargill está com 120 vagas abertas para o Programa de Estágio 2017, para estudantes de nível superior. Os interessados devem se candidatar até 2 de maio pelo site www.ciadetalentos.com.br *** Os geeks terão programação cheia no shopping Jardim Guadalupe (RJ) até o final do mês. Este final de semana será de quadrinistas, ilustradores e autores de livros. Nos dias 15, 16, 29 e 30 haverá encontro especial de cosplayers *** Para entender melhor o que está em jogo na Reforma da Previdência, o Sindicato dos Jornalistas do Município do Rio (SJPMRJ) realiza debate nesta quinta-feira, às 19h, no auditório João Saldanha (Rua Evaristo da Veiga 16, 17º andar, Centro). A deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) é uma das debatedoras. A entrada é franca *** A FGV realiza o seminário Concessões e Investimentos no Brasil: Novos Rumos, no dia 10, com a presença dos ministros Moreira Franco, da Secretaria-Geral da Presidência da República, Fernando Coelho Filho, de Minas e Energia, e Benjamin Zymler, do TCU, entre outras autoridades. Será no Centro Cultural da FGV (Praia de Botafogo, 186) *** No Dia Mundial da Saúde de 2017, comemorado nesta sexta-feira, a Organização Mundial da Saúde (OMS) destaca a depressão. O crescimento dos casos da doença no mundo é alarmante, mas também suscita o debate de até que ponto os diagnósticos estão corretos. O tratamento inclui remédios caros, de uso contínuo, como gostam os grandes laboratórios multinacionais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui