Plataformas de Búzios: exportação de empregos

Empresas estrangeiras crescem o olho no setor de petróleo brasileiro.

A Petrobras habilitou 10 estaleiros – apenas 2 brasileiros (Brasfels e EBR) – para participar da próxima licitação para construção de plataformas de produção e armazenamento (FPSO). A qualificação é válida por 12 meses, e especialistas no setor petrolífero esperam que no período será realizada licitação para o projeto de Búzios 6, no modelo EPC (Engineering, Procurement, Construction), em que o contratado é responsável por planejar a construção, realizar todas as atividades relacionadas ao processo de compras e executar o planejamento do empreendimento. Este sistema é polêmico, especialmente na Petrobras, em que era o modelo que gerou os maiores problemas de atrasos e suspeitas de corrupção.

Além disso, fonte do setor afirmou à coluna que tudo indica que as plataformas de Búzios serão feitas no exterior pelas empresas pré-qualificadas, se não for amarrada a obrigação da execução das obras no Brasil. A expectativa no mercado petroleiro é que o conteúdo local global fique em apenas 25%. Exporta-se emprego, exporta-se óleo bruto e fica no país apenas um punhado de dólares passageiros.

 

É o dólar, estúpido

A valorização do dólar levou as cidades dos Estados Unidos a subirem no ranking das mais caras para um morador estrangeiro. E San Juan, Porto Rico – estado associado – é a latino-americana mais cara.

Entre as 209 cidades da 26ª Pesquisa Anual de Custo de Vida da Mercer, estão 3 brasileiras: São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. A capital paulista, que ocupava a 86ª posição no ranking do ano passado, caiu para a 130ª colocação neste ano; Rio de Janeiro caiu 39 posições, e Brasília, 16.

Hong Kong encabeça a lista das cidades mais caras do mundo para expatriados.

 

Mate virtual

Para festejar os 26 anos, que completa nesta segunda-feira, a Megamatte vai criar um museu virtual, reunindo registros em foto e vídeo para contar a trajetória, que começou em 1994, com a primeira loja, no Largo do Machado, na zona Sul do Rio de Janeiro. Naquela época, uma única loja chegava a vender 30 quilos de pão de queijo por dia. Hoje, a rede tem cerca de 150 lojas espalhadas pelo Brasil.

 

Alívio

Devido à pandemia, o Conselho Regional de Administração do Rio (CRA-RJ) prorrogou o vencimento da anuidade até 30 de junho. Além disso, quem estiver com débitos de anuidades vencidas poderá quitar com isenção de até 90% dos juros e multas, com a possibilidade de parcelamento por cartão de crédito, diretamente pela internet no painel do Autoatendimento do CRA-RJ. Dúvidas podem ser atendidas pelo e-mail [email protected]

 

Carteira

Flávio e Carlos Bolsonaro pagaram em dinheiro vivo, em 2009, R$ 15,5 mil cada para cobrir perdas em investimentos na Bolsa de Valores. Interessante é que, nas declarações feitas à justiça eleitoral, os Bolsonaro nunca citam quantias em espécie.

 

Rápidas

A Associação Comercial do Rio de Janeiro (ACRJ) realizará webinar com o ministro-chefe da Casa Civil, Walter Souza Braga Netto, nesta terça-feira, às 11h. Inscrições aqui *** O Lach Laboratório e Clínica, no Jardim Botânico, é o único do RJ que oferece sorologia pelo método Elisa – considerado o mais eficaz para identificar imunidade para o Coronavírus e único exame confirmatório que garante segurança para o retorno às atividades daqueles que estão realmente imunes *** Para debater o cenário atual da produção de alimentos no Brasil e no mundo, será realizado o seminário online “Alimentos Seguros”, promovido pela Associação de Engenheiros Agrônomos de São Paulo (AEASP). Será no dia 22, das 9h às 17h. Inscrições aqui *** A M2V consultoria e o escritório Galvão Villani Navarro Advogados promoverão nesta segunda webinar para discutir a recuperação da taxa Siscomex e seus aspectos legais, às 17h. Inscrição aqui *** A Associação dos Advogados de SP (Aasp) promove nos dias 16, 17 e 18, às 10h, o webinar “Direito Concorrencial: Temas Contemporâneos”. Inscrição aqui *** A GNA – Gás Natural Açu realizará nesta teçra-feira, às 19h, audiência pública virtual para apresentação do projeto da Linha de Transmissão 500kV Açu–Campos 2. É o porto do Açu, sonho-pesadelo de Eike Batista, virando realidade.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Falta de servidores traz prejuízo, inclusive financeiro

Fila de segurados no INSS vai engrossar precatórios em R$ 11 bilhões.

Desmonte do Estado se dá pelas beiradas

Miçangas e espelhos empurram reformas administrativas nos municípios.

O que vale pros precatórios vale pra dívida interna?

Se calotes são defensáveis, poderiam ser estendidos para os títulos públicos.

Últimas Notícias

Distribuição comercial: quais cláusulas e condições mais importantes?

Por Marina Rossit Timm e Letícia Fontes Lage.

Mercado corre do risco em momento de estresse

Se tem uma coisa que o mercado é previsível é com relação ao seu comportamento em momentos de estresse é aversão ao risco. “Nessa...

Petrobras: mais prazo de inscrição no novo Marco Legal das Startups

Interessados em participar do primeiro edital da Petrobras baseado no novo Marco Legal das Startups (MSL) poderão inscrever-se até o dia 12 de dezembro....

Canal oficial para investidor pessoa física na B3

A partir desta sexta-feira, a nova área logada do investidor da B3, lançada em junho, passa a ser o canal que centraliza todas as...

Fitch Ratings atualiza metodologia de Rating de Seguros

A Fitch Ratings, agência de classificação de risco, publicou nesta sexta-feira relatório de atualização de sua Metodologia de Rating de Seguros. Segundo a agência,...