Pobres&(muito) ricos

Ao defender a garantia de ganho real para o salário mínimo, independentemente da recessão, de 0,19%, em 2009, o PSOL observa que o governo alega que cada R$ 1 de aumento no mínimo gera gasto anual de R$ 286,4 milhões, com aposentadorias e outros benefícios vinculados ao piso: “Portanto, para se obter, por exemplo, o salário mínimo de R$ 700, seriam necessários R$ 46 bilhões, quantia equivalente a apenas 44 dias de pagamento da dívida, que consumiu R$ 380 bilhões em 2009, mesmo desconsiderando-se o “refinanciamento”, ou a “rolagem”, ou seja, o pagamento de amortizações por emissão de títulos”, compara o PSOL.

Equilibrista
O diretor Financeiro da Petrobras, Almir Barbassa, foi escolhido como o Executivo do Ano de 2010 pelo Ibef-RJ. Pesou na eleição de Almir Barbassa seu feito de ter conduzido a maior capitalização de uma empresa na história de todas as bolsas de valores do mundo. Ele receberá o troféu “O Equilibrista”, criado em 1985, que simboliza o perfil de um verdadeiro executivo que, embora conte com uma equipe, está sempre só na hora de tomar grandes decisões. A eleição é feita pelo Conselho Diretor do Instituto, composto por 48 membros, a partir de indicações de seus 855 associados.
Nos últimos anos foram agraciados Fabio Barbosa, diretor Financeiro da Vale (2009), Maria das Graças Silva Foster, diretora de Gás e Energia da Petrobras (2008) e Eike Batista, presidente do grupo EBX (2007).

Tempo poupado
O programa Rio Poupa Tempo registrou passou de 6 milhões de atendimentos no acumulado dos anos de 2009/2010. Coordenado pela Junta Comercial (Jucerja), o sistema, similar ao de São Paulo, tem quatro unidades (Central, Carioca, Baixada Fluminense e Zona Oeste). Entre os órgãos que mais realizaram atendimentos estão: Detran (habilitação e identificação civil), Fetranspor, Itaú, Serasa e Procon. A próxima unidade a ser inaugurada será em São Gonçalo, no primeiro semestre de 2011.

Oportunidades para todos
Produtos e serviços mapeados pelo Sebrae-SP demandados pela cadeia de petróleo e gás deverão girar R$ 24,39 milhões nos próximos meses, 171% a mais que em 2009. Na conta estão itens como válvulas, tubulações e equipamentos de proteção individual (EPI). Poliana Tupinambá, diretora do Guia do EPI, planeja expansão, otimista com o pré-sal.
Pela Internet
Com o sistema de teleatendimento suspenso por causa de uma greve dos trabalhadores terceirizados, o Detran do Rio colocou como alternativa aos motoristas apenas o site www.detran.rj.gov.br

Qualidade
Visando a garantir a qualidade nos serviços prestados por empresas terceirizadas, a Cedae, em conjunto com o Sindicato da Indústria de Instalações Elétricas, Hidráulicas e Sanitárias do Rio (Sindistal), lança nesta quarta-feira o Selo de Qualidade Cedae/Sindistal – SQS. “O selo será concedido às empresas cujos profissionais tenham obtido certificação profissional junto ao Senai”, explicou o presidente da companhia de saneamento fluminense, Wagner Victer. A adesão ao programa será opcional nos primeiros 36 meses

Mestre, com carinho
O Clube de Engenharia e outras entidades da categoria no Rio homenagearão a professora Maria da Conceição Tavares, “mestre do desenvolvimentismo”, nos seus 80 anos de lúcida contribuição para o desenvolvimento brasileiro. Será quinta-feira, às 18h, do auditório do 20º andar, no Clube.

Mutirão
Para cadastrar gratuitamente todos aqueles que quiserem sair da informalidade e se tornarem micro empresários, o sindicato que congrega as empresas de serviços contábeis (Sescon-RJ), em parceria com o Instituto Pereira Passos e o Sebrae-RJ, vão realizar, de quinta a sábado, o Mutirão do Empreendedor Individual na comunidade da Providência. Mais informações: www.sescon-rj.org.br

Lupa
O engenheiro Osvaldo Nobre lança, nesta quinta-feira, às 20h, na livraria Argumento, no Rio Design Barra, o livro Brasil – 1999-2010: Década de Transformações (Gramma). A obra, com prefácio de um dos titulares da coluna, passa em revista, sob os mais variados aspectos, esses 11 marcantes anos da história do país. A expectativa é de casa cheia.

Artigo anteriorPaís pobre
Próximo artigoPorta aberta
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Na pandemia, BNDES vendeu ações que agora valem o dobro

Em nove meses, banco perdeu R$ 8 bi só em 1 operação.

Desigualdade, Big Tech e EUA são maiores ameaças à democracia

7 em 10 chineses avaliam que seu país vai bem na questão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Queda de faturamento atinge 82% dos MEI

Em Minas, 60% dos microempreendedores individuais formalizados na pandemia abriram o negócio por oportunidade.

Inflação oficial fica em 0,31% em abril

Grupo com alta relevante no mês foi alimentação e bebidas (0,40%), devido ao comportamento de alguns itens.

Manhã de hoje é negativa em quase todo o mundo

Em Nova Iorque, Dow Jones e S&P futuros cediam 0,10% e 1,04%, respectivamente.

Projeção da Selic é de 5% no final deste ano

Para o ano que vem, analista projeta 6,5%, dado o alerta do Copom sobre o ritmo de normalização após reunião de junho.

Dia começando ruim nos mercados globais

Ontem, os mercados abertos na parte da tarde desaceleraram, com o Dow Jones fechando em queda de 0,10%.