PPSA e EPE assinam acordo de cooperação técnica

23
Plataforma P-74 no campo de Búzios no pré-sal da Bacia de Santos, fruto da cessão onerosa
Plataforma P-74 no campo de Búzios no pré-sal da Bacia de Santos (foto de André Ribeiro, Agência Petrobras)

A Pré-Sal Petróleo (PPSA) e a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) firmaram nesta terça-feira, um acordo de cooperação técnica, visando promover o intercâmbio de dados e informações necessárias ao desenvolvimento das atividades e de estudos realizados pelas duas empresas. O acordo terá vigência de cinco anos e prevê também a realização de ações específicas de capacitação entre as empresas, como treinamentos, palestras e eventos.

Pela PPSA, o acordo foi assinado pela diretora Técnica e Presidente interina, Tabita Loureiro, e pelo diretor de Administração, Finanças e Comercialização, Samir Awad. Pela EPE, assinaram o Presidente Thiago Prado, e a diretora Técnica, Heloísa Borges. A reunião foi realizada no escritório da PPSA no Centro do Rio de Janeiro.

“A PPSA e a EPE possuem informações estratégicas sobre o setor de energia e já colaboram, de forma independente, para subsidiar o Ministério de Minas e Energia com estudos que fomentam a realização de políticas públicas. Com este acordo, as empresas vão trocar conhecimento e informações, o que certamente irá melhorar ainda mais a qualidade e assertividade dos nossos estudos, assim como a execução das atividades. O Brasil sai ganhando com essa cooperação”, disse Tabita Loureiro.

Segundo o presidente da EPE, Thiago Prado, o acordo reforça o papel proativo e inovador das instituições, estando totalmente alinhado com a visão e missão da EPE: “De realizar estudos e pesquisas com a reconhecida excelência técnica no setor energético e de alta qualidade visando subsidiar o planejamento, desenvolvimento e a política energética nacional sob responsabilidade do Ministério de Minas e Energia”.

Espaço Publicitáriocnseg

As duas estatais são vinculadas ao Ministério de Minas e Energia. A PPSA tem como missão maximizar os resultados econômicos nos contratos de partilha de produção, na representação da União nos procedimentos de individualização da produção e na gestão dos contratos de comercialização de petróleo, gás natural e outros hidrocarbonetos fluidos da União. A EPE tem por finalidade prestar serviços na área de estudos e pesquisas destinadas a subsidiar o planejamento do setor energético, como energia elétrica, petróleo e gás natural e seus derivados, carvão mineral, fontes energéticas renováveis e eficiência energética, entre outras.

Leia também:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui