Prazo de inscrições do Programa Petrobras Conexões para Inovação

A Petrobras prorrogou para 15 de agosto, o prazo de inscrições do 3º edital do Programa Petrobras Conexões para Inovação – Módulo Startups – em parceria com o Sebrae. Com valor total de R$ 22 milhões, este é o maior edital de inovação já aberto no setor de óleo gás e energia voltado para startups e pequenas empresas.

Segundo a estatal, as selecionadas terão oportunidade de desenvolver soluções e modelos de negócios já acessando uma fatia relevante do mercado: a demanda da Petrobras, com potencial de escalar na indústria nacional e internacional. Para isso, a companhia investirá em projetos de até R$ 500 mil e de até R$ 1,5 milhão, a depender da categoria do desafio (soft ou deep tech).
O Módulo Startups faz parte do objetivo da Petrobras de estimular a geração de inovações com alto potencial de impacto e ganhos de eficiência em áreas de interesse do setor. “Criamos um importante ecossistema de inovação capaz de desenvolver soluções às atividades da Petrobras, apoiando a execução do plano estratégico e com foco na agregação de valor para a companhia. Já fizemos muito nos últimos anos, mas queremos desenvolver ainda mais nosso ecossistema, conferindo mais agilidade para a companhia, segurança às operações e competitividade para os negócios”, destaca o diretor de Transformação Digital e Inovação, Nicolás Simone.
“Por meio desta parceria, o Sebrae viabiliza que pequenos negócios se insiram de forma efetiva no processo de inovação aberta da Petrobras, desenvolvendo tecnologia e inovação que irão impactar positivamente a cadeia produtiva de Petróleo e Gás. Durante a execução dos projetos de P,D&I, o Sebrae caminha junto com as startups, promovendo ações de suporte em gestão e melhoria da competitividade dessas empresas selecionadas nos editais”, explica o diretor técnico do Sebrae,

Bruno Quick.
 
Durante e após o processo de seleção, os empreendedores contarão com assessoria da Petrobras e do Sebrae para que os projetos finalizados com sucesso tenham a oportunidade de implantação do cabeça de série ou serviço pioneiro na Petrobras.
O Módulo Teste de Soluções, também teve seu prazo limite de inscrições estendido, para 27/7. O edital visa à seleção de tecnologias em validação ou validadas no mercado para serem testadas em ambiente representativo. Já o novo ciclo do Módulo Ignição, em parceria com a PUC-Rio, tem o objetivo de formar times de universitários para a criação de protótipos funcionais.
A Petrobras também tem em andamento, o Painel de Desafios, onde a companhia divulga periodicamente demandas tecnológicas para mapear o mercado. Essas iniciativas aproximam a Petrobras do ecossistema de inovação aberta e impulsionam nosso relacionamento com startups, big techs e outros players.

Startups

Este ano há desafios nas áreas de eficiência energética, tecnologia de segurança, robótica, redução de carbono, modelagem geológica, tecnologia de inspeção e tecnologia digital. As startups vencedoras recebem suporte financeiro para o desenvolvimento dos projetos de inovação, têm interação com o corpo técnico da Petrobras, capacitação empresarial para posicionamento de mercado e estruturação de planos de negócios, além da participação em Demo Days (Sebrae) com as tecnologias desenvolvidas.
O projeto poderá ser selecionado para uma etapa de implantação e teste do lote piloto na Petrobras ou em qualquer outra empresa. As inscrições, abertas em 16/06, agora vão até o dia 15 de agosto. Veja o edital: https://tecnologia.petrobras.com.br/modulo-startups.html

Teste de soluções

A seleção é voltada para startups e outras empresas inovadoras que possuam soluções tecnológicas e desejem testá-las rapidamente. Há oportunidades nas áreas de saúde e segurança, transformação digital e recursos humanos. Os projetos devem estar em estágio de validação ou já validados pelo mercado. Os selecionados receberão até R$ 60 mil por desafio para execução dos testes.
O processo envolve execução de testes em ambiente representativo de aplicação, para avaliação do desempenho das soluções e geração de valor ao negócio, além do atendimento a requisitos técnicos e de segurança da companhia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Eve Urban deve vender 100 veículos elétricos de decolagem à Ascent

A Eve Urban Air Mobility, empresa da Embraer, e a norte-americana Ascent Flights Global Ltd. anunciaram nesta segunda-feira o aprofundamento da parceria para...

FBN inicia estratégia voltada ao setor de consórcios

Há nove anos, a FBN Corretora de Seguros constituiu uma nova empresa para atuar na área de benefícios. Na visão do seu fundador Kleber...

UE fará empréstimos nos mercados de capitais de até 750 bi de euros

O Conselho da União Europeia (UE), aprovou nesta segunda-feira, o segundo pacote de planos de recuperação e resiliência (PRR), para aceder às verbas pós-crise...

Últimas Notícias

Jovem baixa-renda é mais requisitado para voltar a trabalho presencial

Quanto menor a renda familiar, maior o percentual; brasileiros de 18 a 25 anos somam 42% das contratações temporárias no primeiro semestre.

Formbook afetou mais de 5% das organizações

Capaz de capturar credenciais e registrar digitação de teclado, malware figurou em segundo lugar no ranking mensal do país.

Sauditas liberam exportação de carne de unidades de Minas

De acordo com o Ministério da Agricultura, autoridades do país suspenderam o bloqueio de cinco plantas de carne bovina mineira.

Comerciários do Rio têm aumento

Já em São Paulo, emprego no comércio registra a maior alta mensal desde novembro de 2020.