Pré-sal barato baixará custos da Petrobras e motiva UBS

Banco suíço reiterou a recomendação de compra para as ações preferenciais da estatal com preço-alvo de R$ 26.

Acredite se Puder / 17:49 - 13 de jul de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Os analistas do UBS se mostram muito animados com a produção da Petrobras nas áreas do pré-sal, especialmente com o potencial do Campo de Búzios. Em relatório distribuído nesta segunda-feira, afirmam que, enquanto houver um pré-sal barato está tudo bem para a estatal. E afirmam que se a companhia concretizar seu plano de construir a sétima plataforma para operar em Búzios, com a capacidade para produzir 225 mil barris de petróleo diários, seria a maior instalada no Brasil e poderá trazer a produção adicional para um breakeven ainda mais baixo.

Os últimos dados divulgados mostram que a petrolífera deve fechar o segundo trimestre num ritmo inferior ao previsto no mercado. A equipe de análise do banco suíço projeta um aumento de 13,2% na produção de óleo cru da estatal, na comparação do segundo trimestre deste ano com o de 2019. Mas, até abril e maio, o crescimento foi de 6%. Ficar abaixo das expectativas nunca é bom para a imagem de uma empresa, mas o UBS prefere enfatizar o trunfo da Petrobras nos vastos campos do pré-sal.

O UBS reiterou a recomendação de compra para as ações preferenciais da estatal com preço-alvo de R$ 26 – valor que representa uma alta potencial de 16% sobre a cotação usada como referência pelo banco. Os últimos dados divulgados mostram que a Petrobras deve fechar o segundo trimestre num ritmo inferior ao previsto pelos analistas.

 

Bradesco recomenda a Trisul

O Bradesco BBI está recomendando a compra de ações da Trisul e estabeleceu um preço-alvo de R$ 10, depois de destacar o desempenho operacional da incorporadora durante o segundo trimestre deste ano, quando a companhia mostrou aumento dos lançamentos de 25% na comparação com igual período do ano passado, mas quando houve queda de 32% na comparação anual e alta de 31% no último trimestre. No relatório consta que ‘embora a projeção para lançamentos de R$ 1 bilhão a R$ 1,3 bilhão para 2020 pareça ambiciosa, a Trisul poderá retomar os lançamentos a toda velocidade se o setor de construção de residências permanecer aquecido e atingir suas estimativas iniciais para o ano”, mas os analistas destacam ainda que embora os estandes de vendas tenham permanecidos fechados na maior parte do trimestre, houve um aumento considerável das vendas na comparação trimestral. A recomendação de “outperform” para a Trisul também está baseada no ambiente de juros baixos no país e o fato da companhia ter projetos considerados atrativos para o segmento de média e alta renda.

 

Tribunal condena Isabel dos Santos

José Eduardo dos Santos, seis dias antes de passar o governo para João Lourenço, assinou decreto concedendo o Porto do Dande localizado a 50 quilômetros de Luanda e a permissão para na área contígua ser constituída uma zona franca. O objetivo era beneficiar a Atlantic Ventures, comanda por Isabel dos Santos, filha do ditador que estava sendo obrigado a deixar o cargo. Porém, o novo mandatário tão logo tomou posse, através de decreto presidencial, revogou a concessão e exigiu uma indenização de US$ 850 milhões.

Na maior cara de pau, os dirigentes da Atlantic Ventures consideraram que a decisão de João Lourenço colocava em risco a “credibilidade de Angola nos mercados internacionais” e entraram com uma ação no Tribunal Arbitral de Paris. Em julgamento ocorrido no dia 10 de julho, o Tribunal decidiu não dar provimento a esta ação declarando-se incompetente para dirimir o litígio, mas como a decisão foi tomada por unanimidade, não existe a possibilidade de recurso a qualquer outra instância. Além disso, a Atlantic Ventures foi condenada a pagar 202 mil euros pelos custos judicias do processo.

 

Weg terá melhores números, diz Ágora

A Weg divulgará seus resultados em 22 de julho, que deverão conter os melhores números dentre as empresas de bens de capitais, segundo previsão dá Ágora de Investimentos. A corretora estima que a receita líquida do segundo trimestre atingiu R$ 3,4 bilhões, enquanto o Ebitda e o lucro líquido chegaram a, respectivamente, R$ 572 milhões e R$ 368 milhões.“Esperamos que a depreciação do real mais do que compense os volumes mais baixos no segundo trimestre, levando ao crescimento da receita”, segundo consta no relatório encaminhado aos clientes. Para seus analistas, ‘é provável que as unidades de negócios de eletrodomésticos e tintas apresentem volumes cerca de 40% menores, enquanto outros segmentos de ciclo curto devem refletir uma demanda 20 a 25% menor, e os segmentos de ciclo longo continuam se beneficiando de uma forte carteira de pedidos”.

 

Itaú recomenda B3

O Itaú BBA retomou a cobertura da B3 com recomendação de “outperform” e preço-alvo de R$ 69, o que significa um potencial de alta de 23,4%. Os analistas acreditam que a empresa vai se beneficiar de números operacionais mais robustos nos próximos trimestres. Além disso, a distribuição de dividendos deve tornar o papel mais atrativo e o mercado não parece incorporar totalmente a capacidade da empresa de pagar dividendos adicionais nos próximos dois anos”. O Itaú BBA relembra, no entanto, que a empresa tem uma disputa tributária em relação à amortização de ágio, fruto da fusão entre BM&F e Bovespa., mas acha que mesmo que perca, a expectativa é que o impacto não será significativo.

 

Buffet cai para posição de 9º bilionário

Elon Musk, CEO e fundador da Tesla, agora é mais rico do que o megainvestidor Warren Buffett, acionista majoritário e presidente da Berkshire Hathaway. Na última sexta-feira, a fortuna de Musk aumentou em US$ 6,1 bilhões e seu patrimônio ultrapassou o de Buffett.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor