Preços do barril de petróleo desabam com nova variante

Queda de 13% nos EUA e de 11,5% no Reino Unido.

Os preços do petróleo nos EUA despencaram mais de 13% nesta sexta-feira devido a preocupações com a descoberta de uma nova variante do Covid-19 na África do Sul. O West Texas Intermediate (WTI) para entrega em janeiro afundou US$ 10,24 para fechar a US$ 68,15 o barril na Bolsa Mercantil de Nova York. O petróleo Brent para entrega em janeiro perdeu US$ 9,53 dólares, ou 11,59%, para fechar em US$ 72,72.

Os dois futuros de petróleo de referência marcaram a queda mais profunda em um único dia desde abril de 2020.

O Reino Unido anunciou a proibição de voos de seis países africanos. O presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou que os Estados Unidos imporiam restrições de viagens a oito países africanos devido à nova variante.

O feriado de Ação de Graças nos Estados Unidos também foi responsabilizado pelo aumento da volatilidade do mercado. “Mais uma vez, os mercados de petróleo do Dia de Ação de Graças viveram de acordo com sua notória reputação de feriado, despencando em baixo volume em resposta aos relatórios de uma nova variante encontrada na África do Sul”, disse Phil Flynn, analista de mercado sênior do The Price Futures Group, citado pela agência de notícias Xinhua.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Títulos públicos prefixados: maiores rentabilidades de julho

Destaque ficou com os prefixados de vencimentos mais longos, representados pelo IRF-M1+

Economia prepara projeto para abrir fundos de pensão ao mercado

Em jogo, patrimônio de R$ 1 trilhão acumulado pelos fundos fechados de previdência.

Últimas Notícias

BNDES: R$ 6,9 bi para construção da linha 6 do metrô de SP

Total previsto de R$ 17 bilhões financiados por um consórcio de 11 bancos

Área de oncologia movimenta R$ 50 bilhões no Brasil

Cerca de 625 mil novos casos de câncer são diagnosticados por ano

Títulos públicos prefixados: maiores rentabilidades de julho

Destaque ficou com os prefixados de vencimentos mais longos, representados pelo IRF-M1+

Economia prepara projeto para abrir fundos de pensão ao mercado

Em jogo, patrimônio de R$ 1 trilhão acumulado pelos fundos fechados de previdência.