Primeiro de abril

Apesar das explicações da Receita Federal, que promete a edição de uma portaria estabelecendo as “exceções”, o presidente da Associação Nacional dos Executivos em Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel de Oliveira, considerou absurda e classificou de ganância tributária do governo a decisão de impedir que as famílias e pessoas paguem em dinheiro compromissos relativos a compras a prazo. Chegou a afirmar que “parece mentira mas não é”, referindo-se ao fato de que tudo começou com a medida provisória 179, editada no dia 1º de abril deste ano.

Liderança
A Varig mantém a liderança no embarque de passageiros em vôos domésticos no Aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre. Em junho, a companhia teve participação de 35,8% na movimentação daquele terminal, superando todas as concorrentes.

Sorriso Brasil
A partir de agosto, o Ministério da Saúde vai distribuir escova e pasta dental para 30% de todas as pessoas atendidas pelo Brasil Sorridente, programa nacional de saúde bucal lançado em março deste ano. O anúncio foi feito pelo coordenador de Saúde Bucal do Ministério, Gilberto Pucca. Segundo ele, um levantamento recente constatou que 40% da população brasileira não consomem escova e pasta regularmente. Também de acordo com os dados oficiais, o país tem hoje oito milhões de desdentados e outros 30 milhões nunca foram ao dentista.

Homem e mulher
Um documento do Vaticano sobre as funções dos homens e das mulheres na sociedade critica o feminismo e alega que o movimento tenta ignorar as diferenças biológicas entre os sexos. O relatório, antes de ser divulgado oficialmente, vazou e foi publicado nesta sexta-feira pelas imprensas alemã e italiana. As 37 páginas do documento também pede aos governos “que consigam condições para que mulheres não precisem negligenciar suas famílias se quiserem trabalhar”, de acordo com o jornal alemão Bild. O jornal italiano Corriere della Sera disse que o documento ataca a “ideologia do sexo” e enfatiza que a mulher “não é uma cópia do homem”. Segundo o Bild, o documento também critica a homossexualidade, dizendo que “Deus queria um casamento cristão, um casamento entre um homem e uma mulher”, e não entre pessoas do mesmo sexo. De acordo com os jornais, o texto foi escrito pelo cardeal Joseph Ratzinger, um defensor da igreja conservadora que é líder da Congregação para a Doutrina da Fé.

Bola para paz
O Ministério do Esporte envia neste domingo 850 bolas ao Haiti e 20 bandeiras oficiais do Brasil. O material será usado pela Força de Paz brasileira que está no país. Os soldados brasileiros implementaram vários projetos sociais com crianças de rua, entre eles a prática de esportes. Esta é a segunda remessa enviada ao país. A primeira, com 890 bolas, chegou ao Haiti em abril, quando foi implementada a Força de Paz. O material está sendo levado por uma equipe que fará a organização do amistoso de futebol entre as seleções brasileira e haitiana, no dia 18 de agosto.

Fazendo justiça
O juiz Luiz Alberto Salomão já marcou para o próximo dia 21 o leilão de mais dois bens de Sérgio Naya para garantir o pagamento das outras parcelas das indenizações dos moradores do Edifício Palace II. Serão leiloados um terreno na Barra da Tijuca, no valor de R$ 40 milhões, e o Hotel Saint Peter, em Brasília, avaliado em R$ 21 milhões. Na madrugada desta sexta-feira foram pagas as indenizações de mais 61 atingidos pelo desabamento do edifício, em 1998. O Banco do Brasil transferiu para as contas dos moradores parcelas que totalizaram cerca de R$ 6 milhões.

Nada com isso
Alan Bryden, secretário geral da International Organization for Standardization (ISO), se mostrou espantado ao ver colado, numa catraca eletrônica de uma estação do metrô do Rio, o selo da ISO. Ele estava na cidade participando do Fórum Nacional de Normatização, promovido pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) quando anunciou a elaboração, pela entidade que comanda, de um plano estratégico que envolve desde a criação de um código de ética à eliminação do uso indevido da ISO com certificação. Não deixou por menos ao declarar que não tinha nada a ver com a maneira como a marca tinha sido usada.

Artigo anteriorLei inócua
Próximo artigoMães
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Juntar 2 meses e meio de auxílio para comprar cesta básica

Não só a pandemia, mas inflação é ameaça às pretensões de Bolsonaro.

Se mirar Nordeste, Bolsonaro atingirá o próprio pé

Região tem menor média de casos e óbitos causados pela Covid.

Neodefensores do trabalhador ignoraram crise

Desemprego já era estratosférico em 2019, e apoiadores de Guedes nem ligavam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Campos marítimos do pós-sal estão em decadência

Os campos marítimos do pós-sal já produziram cerca de 16 bilhões de barris de óleo equivalente ao longo de sua história, ou seja, 63%...

Motoboys protestam em São Paulo

Entregadores tomaram ruas de São Paulo contra baixa remuneração e péssimas condições de trabalho

BC altera norma para segunda fase do open banking

Medida complementa regulamentação que estabelece requisitos técnicos de fase que vai permitir compartilhamento de dados e transações de clientes.

Confiança do consumidor medida por Michigan ficou abaixo do esperado

Índice registrou leitura de 86,5 na prévia de abril e o esperado era 89.

Escolha de conselheiros da ANPD preocupa por conflito de interesses

Entre os indicados há diretores e encarregados de dados pessoais de grandes empresas da internet.