Primeiro lote de e-commerce transfronteiriço de Hainan FTP no exterior

Uma empresa chinesa do porto de livre comércio (FTP, sigla em inglês) de Hainan exportou recentemente o primeiro lote de mercadorias para seu depósito no exterior por meio do comércio eletrônico transfronteiriço.

Foto aérea tirada em 4 de maio de 2021 mostra a vista da cidade de Haikou, capital da província de Hainan, no sul da China. (Xinhua / Zhang Liyun)

Xinhua - Silk Road

 

BEIJING, 8 Dez (Xinhua) – Uma empresa chinesa do porto de livre comércio (FTP, sigla em inglês) de Hainan exportou recentemente o primeiro lote de mercadorias para seu depósito no exterior por meio do comércio eletrônico transfronteiriço.

No valor de cerca de 40.000 dólares americanos, o lote de produtos de móveis concluirá seu registro na Alfândega de Haikou, após o qual será transportado para um depósito nos Estados Unidos, partindo do Porto de Haicang de Xiamen, da província de Fujian, sudeste da China.

Com as mercadorias finalizando o desembaraço aduaneiro, isso marca a Nova Área de Jiangdong de Haikou assumindo a liderança na Província de Hainan, no sul da China, em termos de realização de dois modos de serviço piloto de supervisão na exportação de comércio eletrônico B2B (Business-to-Business, sigla em inglês) transfronteiriço.

A partir de 1º de julho de 2021, a Administração Geral das Alfândegas da China tem promovido a supervisão na exportação de comércio eletrônico transfronteiriço B2B em escala nacional. Em colaboração, a administração da Nova Área de Jiangdong de Haikou começou a trabalhar com a Alfândega de Haikou para ajudar as empresas a reduzir custos e aumentar a eficiência.

Até o momento, a cidade de Haikou alcançou cobertura total dos principais modos de negócios piloto de e-commerce transfronteiriço, concretizando seu desenvolvimento abrangente em todos os formatos e em múltiplas cadeias. Fim

Leia também:

China toma medida para lidar com a inadimplência da Evergrande

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Preços dos meios de produção caem na China

A maioria dos bens de capital monitorados pelo governo registrou preços mais baixos no final de julho, em comparação com meados do mesmo mês, mostram dados oficiais nesta quinta-feira.

Digitalização gera dividendos políticos da RCEP para empresas chinesas

Com a entrada formal em vigor da Parceria Econômica Abrangente Regional (RCEP) no início deste ano, a aplicação e o desenvolvimento da digitalização sob o acordo RCEP desencadeou continuamente mais dividendos políticos para as empresas chinesas, injetando vitalidade para China na cooperação econômica e comercial com exterior, informou Economic Information Daily nesta sexta-feira.

Leica faz parceria com Hisense em negócios de TV a laser

A fabricante chinesa de eletrônicos e eletrodomésticos Hisense e a fabricante alemã de tecnologia e produtos ópticos Leica Camera AG assinaram recentemente um acordo de cooperação tecnológica em Munique, na Alemanha, informou o Economic Information Daily nesta quinta-feira.

Últimas Notícias

BNDES: R$ 6,9 bi para construção da linha 6 do metrô de SP

Total previsto de R$ 17 bilhões financiados por um consórcio de 11 bancos

Área de oncologia movimenta R$ 50 bilhões no Brasil

Cerca de 625 mil novos casos de câncer são diagnosticados por ano

Títulos públicos prefixados: maiores rentabilidades de julho

Destaque ficou com os prefixados de vencimentos mais longos, representados pelo IRF-M1+

Economia prepara projeto para abrir fundos de pensão ao mercado

Em jogo, patrimônio de R$ 1 trilhão acumulado pelos fundos fechados de previdência.