Provider IT: projeto LAB auxilia empresas na transformação digital

Iniciativa identifica tendências e explora oportunidades de negócios, colaborando com a difusão do conhecimento e a construção de parcerias.

Informática / 01:38 - 30 de set de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

A Provider IT, uma das principais consultorias e provedoras de serviços de TI do país, lançou um projeto, intitulado LAB Provider IT, que tem como objetivo, além de organizar o processo de inovação dentro da companhia, auxiliar outras empresas na jornada da transformação digital. A iniciativa identifica tendências e explora novas oportunidades de negócios, colaborando com a polinização do conhecimento e a construção de parcerias estratégicas. Além disso, o LAB Provider IT busca aplicar uma abordagem estruturada a fim de explorar tecnologias emergentes para oferecer soluções inovadoras nos mercados de atuação e futuros nichos da empresa.

Cesar Salema, CEO da Provider IT, conta que o projeto nasceu a partir de um desafio lançado no início de 2020, quando do encontro dos executivos de negócios, em um painel de estudos sobre Inteligência Artificial, produzido pela equipe de Inteligência de Mercado da empresa, despertou a ideia de se formar um grupo de inovação, que evoluiu para a criação do LAB Provider IT. “Nós sempre tivemos a inovação como estímulo para enfrentar os desafios do ambiente dos negócios. Para nos mantermos competitivos e enfrentarmos os desafios do chamado mundo VUCA (volátil, incerto, complexo e ambíguo), precisamos constantemente buscar novas maneiras de inovar com soluções e tecnologias emergentes, no desenvolvimento de produtos e serviços e na execução dos projetos. Por isso, o LAB é tão importante”, explica. Salema afirma que a iniciativa foi motivada pela disposição de incorporar o espírito, o mindset e o modo de operação ágil, típicos do sistema de trabalho 3.0, para conciliar novos conhecimentos, habilidades e atitudes com a expertise e a qualidade que a empresa preza.

Salema esclarece que a principal competência do LAB é o foresight, ou seja, a habilidade de olhar para os futuros possíveis e compreender os andamentos da ciência, da economia, do meio ambiente e da sociedade. “Tudo isso serve para identificar as principais tendências tecnológicas que devemos avaliar, para assim combiná-las, adaptá-las e formatá-las como soluções para nossos clientes”, diz. De acordo com o executivo, o futuro das empresas são os ERPs controlados pela inteligência artificial com sistema de vigilância patrimonial e plataformas de contato com os clientes. Além disso, Salema destaca outras tendências como os sensores inteligentes de IoT (Internet das Coisas) integrados que automatizam tarefas rotineiras e coletam dados. “No futuro, os dados alimentarão enormes repositórios de informação e serão usados de modo preditivo, permitindo decisões estratégicas tomadas por algoritmos sofisticados”, conta.

Otimização

O responsável pelo LAB Provider IT é Magno Farias, Gerente de Inovação da companhia. Farias, esclarece que o LAB Provider IT aprofunda os conhecimentos em todas as tecnologias citadas por Salema. Além disso, explora soluções do mercado, testa produtos e serviços, promove a combinação e adaptação de informações e ofertas, e desenvolve abordagens personalizadas, para promover a integração dessas novas tecnologias com sistemas e realidades legados, visando processos otimizados e melhor experiência para os usuários.

Segundo Farias, a implementação do LAB não segue uma lógica convencional. No entanto, a equipe está se preparando para realizar experimentos que avaliam a combinação de tecnologias de reconhecimento facial, Big Data e novos meios de pagamento com o objetivo de oferecer uma solução white-label (terceirização do desenvolvimento de produtos/serviços), para atender ao cenário de transações instantâneas do PIX, recentemente definido pelo Banco Central.

Estão envolvidos no projeto todo o comitê executivo da empresa e sete membros, composto por profissionais seniors de diferentes áreas da Provider IT para direcionamento técnico. Juntos, os executivos promovem um alinhamento do LAB às estratégias corporativas. Por outro lado, um pequeno squad com três especialistas, trabalha focado nas atividades de implantação contínua do LAB na arquitetura organizacional. Assim, conforme cada atividade vai sendo proposta, grupos de trabalho multidisciplinares de tamanhos variados são organizados. “O LAB soma, multiplica e potencializa. Tudo isso para oferecer novos olhares, saberes e valores que reforçam nossos diferenciais competitivos”, explica Farias.

É evidente que a pandemia afetou diferentes setores da economia, rendendo grandes desafios e novas oportunidades para as organizações. Farias ressalta que a adoção de tecnologias emergentes pelas empresas como Inteligência Artificial, Robótica, IoT, Realidade Aumentada e Blockchain estão sendo impulsionadas pelas necessidades do momento atual. No entanto, reforça que uma inovação integrada de maneira apressada e inconsistente pode oferecer elevados riscos e até prejuízos. “Nosso LAB chega, justamente neste momento, para fortalecer a Provider IT e acelerar a viabilização dessas inovações para nossos clientes de modo consistente, equilibrando agilidade à nossa expertise e padrões de excelência em consultoria, desenvolvimento e integração de soluções maduras. Estamos 100% comprometidos com as mudanças para o futuro para oferecer mais valor aos nossos clientes e ajudá-los a se protegerem da concorrência e da disrupção digital”, finaliza.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor