Punição seletiva deixa TVs de fora

Fifa pune Teixeira, EUA prendem Marin, mas grupos de comunicação vão bem, obrigado.

A Fifa excluiu do futebol, para sempre, o ex-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) Ricardo Teixeira. O Conselho de Ética o considerou culpado por crimes de corrupção, envolvimento em suborno e pagamento de propinas, no período de 2006 a 2012, nas negociações com empresas de mídia e de direitos de transmissões de campeonatos organizados pela CBF, Conmebol e Concacaf.

Os Estados Unidos mantêm detido outro ex-presidente da CBF, José Maria Marin, condenado a quatro anos de prisão. Mas, apesar das fartas denúncias de propina pagas por empresas de comunicação, estas passaram – pelo menos oficialmente – incólumes pelo crivo norte-americano.

A punição seletiva dos EUA não se dá somente no futebol. Arthur Soares, conhecido como Rei Arthur, que dominava o fornecimento de quentinhas e outros serviços no Estado do Rio de Janeiro – acusado pelo Ministério Público de pagar propinas – flana, tranquilo e milionário, em Miami.

Chegou a ser detido para explicações sobre um problema de imigração, mas foi solto em seguida. Para o MP, a vida de luxo é bancada com o dinheiro que ele tirou dos cofres públicos brasileiros. Com seus milhões, segue sem ser incomodado nos EUA.

 

Retrocesso na saúde

Recém-reeleito presidente da Associação Nacional das Administradoras de Benefícios (Anab), Alessandro Acayaba de Toledo vê com cautela a proposta para reduzir a regulação da saúde suplementar que está sendo defendida pelas principais operadoras. O ponto mais polêmico é a intenção de permitir planos flexíveis, que não tenham que cumprir o rol da ANS. Ele teme que isso seja um retrocesso no direito do consumidor e que possa ampliar a judicialização de um setor que já gasta R$ 865 milhões para custeio de cobertura determinada judicialmente.

 

Esquerda democrata

Duas observações sobre as eleições no Uruguai: as pesquisas de opinião, uma vez mais, erraram feio (coincidência, sempre supervalorizam os candidatos conservadores); e se a vitória, após alguns dias de suspense, fosse dada ao candidato da Frente Ampla, a direita já estaria nas ruas denunciando “fraude”.

 

Consumo

Boa definição do blogueiro Rodrigo Ratier para Black Friday: dia mundial de comprar em excesso o que não se necessita.

 

Freyre e João Cabral

De 4 a 6 de dezembro, a Fundação Joaquim Nabuco (Fundaj) celebra os 120 anos do autor de Casa-Grande & Senzala e os 100 anos do poeta de Morte e Vida Severina com seminário internacional no Cinema da Fundação, campus Derby.

O sociólogo Gilberto Freyre (1900–1987) é patrono da Fundaj. Assim como o diplomata João Cabral de Melo Neto (1920–1999), é recifense. Na leitura atenta de suas obras, “notam-se as convergências. No regionalismo inseparável da exaltação das raízes ibéricas. Na leitura crítica e estetizante da realidade brasileira. No humanismo”, destaca a Fundaj.

O seminário terá participações de estudiosos, sessões de filmes, lançamentos e atividades lúdico-educativas. Dentre os destaques estão o escritor e professor de literatura brasileira da Universidade de São Paulo (USP) Ivan Marques, biógrafo de João Cabral, e Sônia Freyre, filha do sociólogo e presidente da Fundação Gilberto Freyre, que será a presidente de honra do evento.

Detalhes e programação no site da Fundaj.

 

Cascata

Bolsonaro foi o 2º presidente a visitar a INB – Indústrias Nucleares do Brasil (o primeiro foi FHC, que parou de helicóptero para fazer xixi). Bolsonaro tirou foto, mas mandaram retirar do painel atrás dele as palavras “cascata” e “enriquecimento” para não dar margem a montagens.

 

Rápidas

A FGV realizará nesta segunda-feira, às 9h30, o lançamento do “Estudo da Imagem do Judiciário Brasileiro”, de parceria com as associações de Magistrados Brasileiros (AMB) e do Rio de Janeiro (Amaerj). Também será inaugurado o Centro de Inovação, Administração e Pesquisa do Judiciário (Ebape/FGV), coordenado pelo ministro do STJ e professor da FGV Luis Felipe Salomão *** Na próxima terça-feira, a partir das 18h30, o Shopping Grande Rio recebe pela primeira vez a Caravana de Natal da Coca-Cola *** O Conselho Federal da OAB realizará terça-feira, 9h, na sede da entidade em Brasília, o evento “Contrato de Seguros: Temas Atuais”, sob a coordenação do advogado Ernesto Tzirulnik, presidente do Instituto Brasileiro de Direito do Seguro (IBDS). Mais informações aqui.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Falta de servidores traz prejuízo, inclusive financeiro

Fila de segurados no INSS vai engrossar precatórios em R$ 11 bilhões.

Desmonte do Estado se dá pelas beiradas

Miçangas e espelhos empurram reformas administrativas nos municípios.

O que vale pros precatórios vale pra dívida interna?

Se calotes são defensáveis, poderiam ser estendidos para os títulos públicos.

Últimas Notícias

Distribuição comercial: quais cláusulas e condições mais importantes?

Por Marina Rossit Timm e Letícia Fontes Lage.

Mercado corre do risco em momento de estresse

Se tem uma coisa que o mercado é previsível é com relação ao seu comportamento em momentos de estresse é aversão ao risco. “Nessa...

Petrobras: mais prazo de inscrição no novo Marco Legal das Startups

Interessados em participar do primeiro edital da Petrobras baseado no novo Marco Legal das Startups (MSL) poderão inscrever-se até o dia 12 de dezembro....

Canal oficial para investidor pessoa física na B3

A partir desta sexta-feira, a nova área logada do investidor da B3, lançada em junho, passa a ser o canal que centraliza todas as...

Fitch Ratings atualiza metodologia de Rating de Seguros

A Fitch Ratings, agência de classificação de risco, publicou nesta sexta-feira relatório de atualização de sua Metodologia de Rating de Seguros. Segundo a agência,...