Queda dos aluguéis favorece novos negócios

Conjuntura / 13:18 - 3 de mar de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Segundo Índice FipeZAP, preços dos imóveis residenciais para locação tiveram queda real de mais de 12% em 2015. A queda dos preços dos aluguéis dos imóveis não tem afetado apenas os consumidores que estão em busca de um novo lar. Ela também tem afetado empresários que querem renegociar os contratos de aluguéis de seus pontos comerciais, sobretudo em meio a uma desaceleração econômica que tem se revertido em menos clientes e, consequentemente, em menos dinheiro no caixa. De acordo com o Índice FipeZAP, os preços dos imóveis para locação recuaram 12,66% em termos reais (descontando a inflação) em 2015. Em dezembro, o indicador baixou 3,34% em termos nominais (sem descontar a inflação). Essa foi a maior queda para imóveis residenciais desde o início da série histórica em 2008. Como a atual cenário econômico tem afetado tanto o bolso dos consumidores quanto os investimentos dos empresários, a tendência também é de queda para os imóveis comerciais. O CEO do ZAP, Eduardo Schaeffer afirma que o momento pelo qual estamos passando é oportuno para fazer a renegociação do contrato de aluguel. Porém, ele ressalta que o empresário precisa procurar o proprietário do imóvel meses antes do vencimento do contrato de aluguel para que ambos tenham tempo de tomar as medidas necessárias diante de um possível cancelamento do contrato de aluguel. Entretanto, Schaeffer acrescenta que, se a única saída for procurar um novo ponto comercial, o empresário deve levar em consideração tanto o valor do imóvel que pode variar de acordo com seu tamanho, sua localização e seu estado de conversação quanto as despesas com mudanças, reformas, IPTU e até uma eventual rescisão do contrato de aluguel.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor