R$ 80 milhões para o biodiesel

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva anunciou nesta quinta-feira investimento de R$ 80 milhões para o setor de biodiesel, que prevê a instalação de três complexos industriais da Petrobras. A previsão é de que a unidade de produção de Montes Claros, no estado de Minas Gerais, comece a operar em 2007, produzindo cerca de 48 milhões de litros de biodiesel anualmente.
A matéria-prima é fornecida por cerca de 15 mil famílias, com receita estimada de R$ 50 milhões. As duas outras unidades de produção ficarão nos municípios de Quixadá (CE) e Candeias (BA). Até 2010, a estatal deve investir R$ 390 milhões na produção de 480 milhões de litros de biodiesel anuais.
O investimento está previsto dentro do âmbito do Programa Nacional de Produção e Uso do Biodiesel do governo federal, que tem como principal o objetivo impulsionar o desenvolvimento da produção de oleaginosas na região do semi-árido brasileiro.

Artigo anteriorEntranhas
Próximo artigoÀs claras
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Chile, Paraguai, Colômbia… e o Brasil?

Crises políticas e sociais nos países vizinhos acendem alerta.

Na pandemia, BNDES vendeu ações que agora valem o dobro

Em nove meses, banco perdeu R$ 8 bi só em 1 operação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Conteúdo online voltado para o ensino e para ganhar dinheiro

Cada vez é mais possível aproveitar o conteúdo online para avanços desde a fluência do inglês das crianças a até aprender a operar como trader na bolsa.

Queda de faturamento atinge 82% dos MEI

Em Minas, 60% dos microempreendedores individuais formalizados na pandemia abriram o negócio por oportunidade.

Inflação oficial fica em 0,31% em abril

Grupo com alta relevante no mês foi alimentação e bebidas (0,40%), devido ao comportamento de alguns itens.

Manhã de hoje é negativa em quase todo o mundo

Em Nova Iorque, Dow Jones e S&P futuros cediam 0,10% e 1,04%, respectivamente.

Projeção da Selic é de 5% no final deste ano

Para o ano que vem, analista projeta 6,5%, dado o alerta do Copom sobre o ritmo de normalização após reunião de junho.