Ramo alimentício segue como maior tendência das franquias

Setor de franchising cresceu 15,4% só no Estado de São Paulo e faturamento chegou a quase R$ 82 bilhões em 2023

63
Shopping center (Foto: Valter Campanato/ABr)
Shopping center (Foto: Valter Campanato/ABr)

O mercado brasileiro de food service ocupa o quinto lugar entre os maiores do mundo e de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia), os brasileiros consomem em média cerca de 23% de suas refeições fora de casa, representando um gasto per capita anual de aproximadamente R$ 2.200.

Segundo dados da Associação Brasileira de Franchising (ABF), o segmento de alimentação destaca-se como o mais influente, com crescimento de 17,9% em 2023, impulsionado pela retomada das atividades sociais da população, em especial nos estabelecimentos físicos. Além disso, a continuidade das vendas por delivery contribuiu como uma fonte adicional de receita.

O mercado de franquias no Brasil consolidou sua recuperação e retomou o crescimento em 2023, alcançando um faturamento de mais de R$ 240 bilhões, representando um aumento nominal de 13,8% em comparação com 2022.

De acordo com a ABF, só no Estado de São Paulo, em 2023, o setor de franquias faturou e R$ 81.817.489.690,68, incremento de 15,4% em relação a 2022.

Espaço Publicitáriocnseg

Os segmentos mais proeminentes foram moda (com crescimento de 25,4% ou seja, R$ 7,8 bi), saúde, beleza e bem-estar (crescendo 25,3%, ou seja R$ 16,7 bi) e hotelaria e turismo, com 21% (R$ 4,3 bi). As operações no estado também cresceram, passando de 60.630 para 64.681. O mesmo pode ser dito em relação aos postos de trabalho. Enquanto, em 2022, o franchising empregava 532.163 profissionais, no ano seguinte, este número subiu para 569.690, o que representa uma alta de 7,1%.

Leia também:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui