Reajuste de só 5,26% para 2021 mantém salário mínimo na rabeira da AL

Mesmo com o anúncio feito, nesta quarta-feira, pelo presidente Jair Bolsonaro, de reajuste de apenas 5,26% para 2021, o salário mínimo continuará sendo o segundo menor da América Latina.

A assinatura de medida provisória (MP) elevará o salário mínimo de R$ 1.045 para R$ 1.100, com vigência a partir de 1º de janeiro. “O valor de R$ 1.100,00 se refere ao salário mínimo nacional. O valor é aplicável a todos os trabalhadores, do setor público e privado, e também para as aposentadorias e pensões”, afirmou o presidente.

O pagamento brasileiro só supera o da Venezuela.

O ranking dos países com maior salário mínimo é liderado pelo Chile (US$ 457), Uruguai (US$ 424) e Equador (US$ 400). Vêm em seguida Paraguai, com US$ 320, Bolívia, com US$ 306, e Panamá, com US$ 268. O mínimo no Chile, porém, não é universal. aposentados e trabalhadores de primeiro emprego podem receber cerca de 50% menos. Valor do salário do Brasil passa a ser de US$ 212,36.

Em meados de dezembro, o Congresso havia aprovado a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021, fixando o salário-mínimo em R$ 1.088. Na proposta aprovada pelos parlamentares, não houve aumento real no salário, tendo sido feita apenas a correção com base na previsão da inflação acumulada no ano, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

Artigos Relacionados

TCE-SP acolhe pedido de escritório e suspende licitação da CPTM

Escritório de advocacia representa grupo europeu interessado na licitação, cujo nome não pode ainda ser revelado.

Aplicativos mantêm total controle sobre trabalho de entregadores

OIT: o número cresceu 5 vezes nos últimos 10 anos.

Orçamento: Congresso ainda não votou vetos de 2019

O Congresso Nacional deve realizar uma sessão na primeira quinzena de março para analisar vetos do presidente da República a propostas aprovadas pelos parlamentares....

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Presidente do Banco do Brasil joga a toalha

Centrão tem interesse no cargo.

Imóveis comerciais tiveram estabilidade em janeiro

Nos últimos 12 meses, entretanto, preços de venda e locação do segmento acumulam quedas de 1,32% e 1,18%, respectivamente.

Contas públicas têm superávit de R$ 58,4 bilhões em janeiro

Dívida bruta atinge 89,7% do PIB, o maior percentual da história.

Presidente do Inep é exonerado do cargo

Medida foi publicada no Diário Oficial de hoje; até o momento, não foi anunciado o nome de quem o substituirá.

Primeiro caso de Covid-19 no Brasil completa um ano

Brasil tem novo recorde de mortes diárias, diz Fiocruz; boletim informa que houve ontem 1.148 mortes.