Receita fiscal da China aumenta 7% nos primeiros nove meses

Internacional / 05:39 - 21 de out de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

A China arrecadou 8,97 trilhões de iuanes (US$ 1,33 trilhão) de impostos de janeiro a setembro, um aumento anual de 7%, anunciou nesta quinta-feira a Administração Geral de Impostos da China. O crescimento da receita fiscal ultrapassou a expansão econômica de 6,7% nos primeiros nove meses. Os impostos pagos na indústria terciária subiram 8,2% em termos anuais e responderam por 4,6 pontos percentuais do 7% total, graças ao forte crescimento fiscal nos negócios de leasing, programas e serviços de internet e TI. A maior arrecadação na indústria terciária reflete a intensificação da nova dinâmica econômica e a melhora na demanda da China, disse Zheng Xiaoying, um alto funcionário da administração. Devido ao esforço atual do país para reduzir o excesso de capacidade industrial, os impostos em mineração e metais não ferrosos caíram 31,8% e 2,5%, respectivamente, ante os primeiros três trimestres do ano passado. Agência Xinhua

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor