Relatório lista marcas chinesas como globalmente mais fortes

O relatório destacou o aplicativo de mensagens e chamadas WeChat como a marca mais forte do mundo e o serviço de rede social Douyin, ou sua versão internacional TikTok, aquela que mais cresce.

Foto tirada em 1º de dezembro de 2020 mostra um celular executando o aplicativo TikTok no Cairo, Egito. Acompanhe a entrevista: “Como o TikTok torna possível conectar talentos criativos com indústrias relevantes” (Xinhua/Ahmed Gomaa)

Xinhua - Silk Road

 

Londres, 26 jan (Xinhua) — Diversas empresas chinesas estão entre as marcas mais fortes e de crescimento mais rápido do mundo, conforme relatório “Global 500 2022”, da consultoria britânica Brand Finance, publicado nesta quarta-feira.

O relatório destacou o aplicativo de mensagens e chamadas WeChat como a marca mais forte do mundo e o serviço de rede social Douyin, ou sua versão internacional TikTok, aquela que mais cresce.

WeChat, um aplicativo multifuncional desenvolvido pela empresa chinesa de internet e tecnologia Tencent, mantém o título pelo segundo ano consecutivo, pois “desempenha um papel integral na vida cotidiana na China. Com seu conjunto abrangente de serviços, permite que os clientes enviem mensagens, chamadas de vídeo, peçam comida e realizem compras”, mostra o relatório da Brand Finance.

Uma captura de tela do tablet tirada em 20 de setembro de 2020 mostra a página de download do WeChat, um aplicativo chinês de mensagens, mídia social e pagamento móvel, em uma App Store dos EUA. (Xinhua/Wu Xiaoling)

Listada em 18º lugar entre as 500 marcas mais valiosas do mundo, está a plataforma de vídeo TikTok, ou seu nome chinês, Douyin. A ascensão deste novo participante é um “testamento de como o consumo de mídia está mudando”, observou o relatório.

“Com sua oferta de conteúdo fácil de digerir e divertido, o aplicativo se tornou popular, se espalhando pelo mundo”, acrescentou o relatório. “Também atuou como uma saída criativa, fornecendo uma maneira de as pessoas se conectarem durante a quarentena”.

As marcas de automóveis chinesas também “deram grandes passos e resistiram à tendência global de crescimento negativo no setor”, informou o relatório, acrescentando que a BYD, fabricante de veículos movidos a nova energia líder na China, é a marca que tem maior crescimento no setor, com um aumento de 100% no valor da marca.

Foto tirada em 30 de novembro de 2018 mostra um dispositivo de carregamento e um veículo a nova energia na sede da montadora chinesa BYD, em Shenzhen, província de Guangdong, sul da China. (Xinhua/Mao Siqian)

O setor de tecnologia é mais uma vez cotado como o mais valioso, segundo o relatório. A Huawei, fornecedora líder global de infraestrutura de tecnologia da informação e comunicação e dispositivos inteligentes, recuperou seu lugar entre as dez marcas mais valiosas do mundo, pois “intensificou fortemente o investimento em empresas de tecnologia domésticas e em P&D (pesquisa e desenvolvimento), bem como voltou seu foco para serviços em nuvem.” Fim

Leia também:

 

Banco Central da China conduz 150 bilhões de yuans em recompra reversa

 

 

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Investidores estrangeiros mantém níveis de investimento na China

Espera-se que os investidores estrangeiros mantenham as suas tendências de investimento nas ações de categoria A em 2022, com o controle epidêmico nas regiões chinesas e o emergente valor relativo global do mercado de ações da China, informou Xinhua Finance, citando Fang Xinghai, vice-chefe da Comissão Reguladora de Valores Mobiliários da China (CSRC, sigla em inglês) nesta quarta-feira.

Guangzhou da China lança primeiro lote de títulos corporativos de C&R

O Porto de Guangzhou concluiu nesta terça-feira a emissão de títulos corporativos no valor de 1 bilhão de yuans (cerca de 148,4 milhões de dólares) para investidores na Bolsa de Shanghai, representando a primeiro lote dos títulos corporativos de inovação científica e tecnológica 2022 para Cinturão e Rota (C&R), informou Shanghai Securities News.

Os testes chineses para varíola dos macacos obtêm a certificação da UE

Algumas empresas chinesas anunciaram na quarta-feira que seus kits de detecção de ácido nucleico do vírus da varíola dos macacos obtiveram o certificado de registro CE da União Europeia (UE), informou o Shanghai Securities News nesta quinta-feira.

Últimas Notícias

Mercados operam em alta

Os mercados europeus fecharam em alta na quinta-feira, acompanhando o bom humor global. A perspectivas de estímulos que podem ser realizados na China e...

Clorin ganha destaque nos lares e empresas brasileiras

A empresa amplia distribuição da marca Milton no Brasil.

Tokenização: conceitos e casos de uso dessa tecnologia

BC e CVM acompanharão ao longo deste ano as operações dos projetos aprovados nos respectivos sandboxes regulatórios

Sim Pro Samba homenageia Lula Gigante

O Sim Pro Samba começa às 18h30, na Praça dos Professores. Gratuito!

Solução para o investidor no cálculo e declaração do IR

Usufruir de serviços automatizados para o cálculo e o pagamento de DARFs,