34.6 C
Rio de Janeiro
domingo, janeiro 17, 2021

Retrato inicial

Com pouco mais de dois meses de governo Dilma Rousseff, quem recebe salário mínimo fica sem aumento real, quem colaborou para a Previdência Social acima do mínimo não tem reajuste além do piso e assalariados têm correção da tabela do imposto de renda abaixo da inflação. No entanto, antes que alguém se apresse a acusar a nova administração de negar ganhos aos brasileiros, lembre-se que a turma do Bolsa Juros já foi contemplada com dois aumentos de 0,5 ponto na taxa básica de juros, causando gastos extras de R$ 7 bilhões ao Tesouro, pouco mais de três vezes o aumento de R$ 2,95 bilhões provocado pelo reajuste do Bolsa Família.

Custo empreiteira
Os custos anuais de manutenção de pontes e viadutos no Brasil alcançam entre 30% e 50% do valor atualizado de construção, enquanto nos EUA esse percentual é de apenas 0,5%, na Europa, de 1,5% e no Japão, de 2,5%. As contas são do professor Carlos Henrique Siqueira, consultor do Instituto de Metais Não Ferrosos (ICZ) e da Concessionária da Ponte Rio-Niterói S/A.
Ele lembra que o Brasil conta atualmente com cerca de 5 mil pontes e viadutos sob gestão pública federal, sendo que cerca de 10% têm problemas sérios e exigem manutenção urgente. O investimento estimado para essas obras iniciais de manutenção é de cerca de R$ 1 bilhão. No período 2011-2014 – se Mantega deixar – deverão ser investidos R$ 5,8 bilhões.
O professor e engenheiro defende a utilização de vergalhão galvanizado nas obras-de-arte, tal qual acontece nos Estados Unidos e na Europa, onde pontes e similares devem durar pelo menos 100 anos.

Folia garantida
O comércio carioca está animado com as vendas no Carnaval. Os lojistas esperam crescimento cerca de 10% superior ao do ano passado. É o que mostra a pesquisa do Clube dos Diretores Lojistas (CDL-Rio), que ouviu 750 empresários da capital durante a semana de 14 a 25 fevereiro. Segundo o CDL-Rio, o turismo influencia, com 65% nas vendas, o que pode contribuir para superar a expectativa de 10% de crescimento.
Roupas esportes, fantasias e adereços para o carnaval, além da linha de praia, serão os produtos mais vendidos. O preço médio das compras será de cerca de R$ 100, com pagamento, principalmente, com cartão de crédito parcelado.

Mérito
“As posses do novo presidente do Tribunal de Justiça do Rio e do novo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) trazem um dado promissor: tanto Manoel Alberto Rebêlo dos Santos como Luiz Fux são juízes de carreira”, comemora, em artigo, o presidente da Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro, desembargador Antonio Cesar Siqueira.
“O desafio, agora, é garantir que tais exemplos sirvam de farol, não só para a magistratura, mas sobretudo para a democracia brasileira. Afinal, não há democracia sem meritocracia”, finaliza o desembargador.

Sem legado
Os aeroportos brasileiros dificilmente estarão prontos para as Olimpíadas, o que dirá para a o Campeonato Mundial de Futebol. “Dos recursos previstos para a Copa do Mundo, 16% estariam alocados para 2009 e 2010. Mas foram contratados somente 5,47%”, disse o professor de Transporte Aéreo da UFRJ Elton Fernandes, em entrevista à agência alemã DW-World.de.
“Eu acredito que, do jeito que está, não vai ter absolutamente nada pronto para a Copa do Mundo e as Olimpíadas”, previu o também professor de Transporte Aéreo da UFRJ Respício do Espírito Santo: “E, pior ainda, não haverá nenhuma melhoria no dia-a-dia dos brasileiros. E é isso o que importa”, acrescentou.

Isonomia irrestrita
Esta coluna convoca a Transparência Internacional e todas as entidades interessadas no combate à corrupção a, aproveitando a celeridade demonstrada pela Suíça para congelar ativos de Muamar Kadafi depositados em seus bancos, a cobrarem que a mesma medida seja estendida a todos governantes que tenham nas contas locais dinheiro fruto de corrupção e/ou não declarado aos seus respectivos Fiscos. Espera-se, ainda, que a agilidade no caso Kadafi represente um giro de 180 graus no funcionamento de um sistema que, para revelar a relação de contribuintes estadunidenses inadimplentes com o Imposto de Renda, só o fez praticamente coagido pelo Tesouro estadunidense.

Artigo anteriorCatástrofes
Próximo artigoBloco das saúvas
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Grande produtor rural não paga impostos

Agronegócio alia força política a interesses do mercado financeiro.

Não foi a disrupção que derrotou a Ford

Mercado de automóveis está mudando, mas montadora sucumbiu aos próprios erros e à estagnação que já dura 6 anos.

Quantas mortes pode-se debitar na conta de Bolsonaro?

Se índice de óbitos por Covid-19 no Brasil seguisse a média mundial, teriam sido poupadas 154 mil vidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Varejo sente redução no auxílio e alta da inflação

Comércio ficou estável em novembro e quebrou sequência de recuperação.

Senado quer que Pazuello se explique

Pedido de convocação para cobrar ação do Ministério da Saúde no Amazonas.

Lenta recuperação na produção industrial dos EUA

Setor ainda está 3,6% abaixo do nível anterior à pandemia.

Realização de lucros em âmbito global

Bolsas europeias e os índices futuros de NY operam em baixa nesta manhã de sexta-feira.

Desaceleração deve vir no começo do primeiro trimestre

Novo pacote de estímulo fiscal, bem como o avanço da imunização, deve garantir reaceleração em direção ao final do período.