26.1 C
Rio de Janeiro
segunda-feira, janeiro 25, 2021

Sabe Invest: vivência das emoções da Bolsa sem risco de perdas

Pior do que o desespero de ver as ações perdendo valor rapidamente com a volatilidade do Ibovespa nos últimos dias, foi o prejuízo de muitos investidores que, tomados pelo medo, equivocadamente venderam na queda ativos que compraram na alta. Esse grande erro ocorre principalmente pela falta de conhecimento sobre o funcionamento da bolsa.

Para quebrar este ciclo e oferecer maior controle justamente no momento em que o mundo financeiro atravessará um dos períodos de maior volatilidade e incertezas de sua história, a Sabe Inteligência em Ações da Bolsa, acaba de lançar o aplicativo Sabe Invest. A solução oferece respostas tanto à curiosidade de quem nunca se aventurou em um pregão, como ao desejo de investidores experientes em ter um acompanhamento ágil e amigável do desempenho de suas carteiras a qualquer hora e lugar.

"O app permite que os leigos tenham a experiência real do dia-a-dia no mundo dos investimentos sem a necessidade de correr o risco de perdas. Ele também oferece aos aplicadores reais uma fotografia do desempenho de suas carteiras praticamente online, o que é sempre tranquilizador principalmente em dias turbulentos como os que estamos vivendo atualmente com a epidemia do coronavírus e a crise do petróleo", afirma o ceo da Sabe, Luiz Guilherme Dias.

Ele lembra que o comportamento do Ibovespa é bem diferente da carteira do investidor. "É importante monitorar sua carteira, pois as ações escolhidas têm performance diferente da do índice. Ao mesmo tempo, é importante observar a qualidade das empresas de sua carteira, dada pelos fundamentos das companhias", ressalta Dias.

Na funcionalidade destinada aos ainda não investidores, o usuário pode escolher as empresas que achar mais interessantes para compor suas carteiras. Elas são agrupadas em uma conta que, apesar de fictícia, passa a ser monitorada com base nos fatos reais que envolvem estas companhias. Suas variações positivas e negativas são levadas em consideração e o proprietário experimental pode ter a noção do quanto teria ganho ou perdido naquele período se tivesse aplicado realmente seus recursos naqueles ativos.

"Acreditamos que o APP Sabe Invest será inclusive uma ferramenta importante para a comunidade acadêmica. Com ele, os professores poderão testar a compreensão dos alunos sobre os fundamentos da economia e as tendências no mundo dos negócios", afirma.

Já na funcionalidade voltada aos investidores, eles podem inserir os dados de suas carteiras reais no aplicativo. A partir deste momento o app passa a calcular o atual valor de mercado dessa carteira com base no desempenho do mercado em tempo quase real (delay de 15 min).

"Dessa forma, o investidor pode aproveitar, a qualquer momento, uma oportunidade de realização de lucro para investir em outros ativos com chance de melhores retornos", diz Dias.

Os investidores de perfil mais passivo também podem se beneficiar utilizando o aplicativo para monitorar o desempenho do gestor do fundo ao qual confiou seus recursos. Isto porque nos dois casos, tanto na carteira real como na fictícia é feito um diagnóstico apontando quais ações estão acima ou abaixo da variação do Índice Bovespa (IBOV), baseado no fechamento do pregão regular do dia anterior "Com essa sinalização se torna possível, a qualquer momento, fazer ajustes nas carteiras buscando melhores retornos", conclui.

O aplicativo Sabe Invest já está disponível e pode ser baixado gratuitamente na google play e na app store.

Fundada em 1995, por um grupo de analistas de investimentos, no Rio de Janeiro, a empresa une tecnologia desenvolvida à experiência, sensibilidade e visão de especialistas em Mercado de Capitais, constantemente atualizados em áreas que vão da Geopolítica ao Comportamento do Consumidor, e elabora relatórios de perfis distintos, cujo conteúdo rico ilumina as rotas, sinalizando perigos e obstáculos, indicando rumos seguros a seus clientes.

Artigos Relacionados

Braskem: R$ 1 bi de energia renovável com a Casa dos Ventos

A petroquímica brasileira Braskem comunicou nessa sexta-feira aos seus acionistas e ao mercado que, em linha com a sua estratégia de ampliação do uso...

BTG Pactual levantou R$ 2,57 bi com oferta primária de units

O BTG Pactual precificou oferta primária subsequente de units a R$ 92,52 cada, levantando R$ 2,57 bilhões, de acordo com fato relevante postado na...

Eletromidia anuncia IPO para fevereiro

A Eletromidia, empresa de painéis de publicidade, tem possibilidade de levantar cerca de R$ 870 milhões em sua oferta inicial de ações (IPO), conforme...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Copom está alinhado com maioria da expectativa do mercado

Considerando foco na inflação de 2022, estamos considerando agora que BC começará a aumentar Selic em maio e não em agosto.

Primeira prévia dos PMI’s e avanço da Covid-19

Bolsa brasileira sucumbe ao terceiro dia de queda, mediante aos temores fiscais.

Exterior em baixa

Queda acontece em meio às preocupações com problemas para obtenções de vacinas.

Más notícias persistem

Petróleo negociado em NY mostrava queda de 2,60% (afetando a Petrobras), com o barril cotado a US$ 51,75.

Mercado reagirá ao Copom e problemas internos

Na Europa, Londres teve alta de 0,41%. Frankfurt teve elevação de 0,77%. Paris teve ganhos de 0,53%.