Saúde do Rio muda para economizar 40%

Rio de Janeiro / 23:48 - 3 de mar de 2016

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

A Secretaria de Estado de Saúde do Rio de Janeiro pretende economizar cerca de 40% nos contratos com as Organizações Sociais (OSs) que administram hospitais e unidades de Pronto Atendi-mento (UPAs) da rede. Também vai mudar o perfil de 13 das 68 UPAs sob responsabilidade da pasta, que passarão a ser exclusivas pediátricas ou para atendimento adulto. O anúncio foi feito nesta quinta-feira pelo secretário Luiz Antônio e Souza Teixeira Jr. que participou de audiência pública conjunta das comissões de Orçamento, de Tributação e de Saúde da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj). O secretário foi convidado para explicar a situação das OSs, a crise no abastecimento de medicamentos e insumos e medidas adotadas para sanear a crise na saúde pública do estado.

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor