Saudi Cloud Computing Company lança serviços na Arábia Saudita

A Saudi Cloud Computing Company (SCCC), uma nova joint venture formada por empresas chinesas e sauditas, lançou seu serviço na Arábia Saudita para atender à crescente demanda por serviços em nuvem no local.

Pessoas participam da cerimônia de lançamento da Saudi Cloud Computing Company em Riad, Arábia Saudita, em 5 de junho de 2022. Saudi Cloud Computing Company (SCCC), uma nova joint venture formada por empresas chinesas e sauditas, lançou seu serviço na Arábia Saudita para atender à crescente demanda por serviços em nuvem no local. (Xinhua/Wang Haizhou)

Xinhua - Silk Road

 

Riyad, 6 jun (Xinhua) — A Saudi Cloud Computing Company (SCCC), uma nova joint venture formada por empresas chinesas e sauditas, lançou seu serviço na Arábia Saudita para atender à crescente demanda por serviços em nuvem no local.

Formado pela empresa chinesa Alibaba Cloud, Saudi Telecom Company (STC) Group, eWTP Arabia Capital, Saudi Company for Artificial Intelligence (SCAI) e Saudi Information Technology Company (SITE), a SCCC anunciou a abertura de dois centros de dados durante a cerimônia de lançamento em Riad neste domingo.

Os centros de dados oferecerão aos clientes na Arábia Saudita uma ampla gama de soluções de computação em nuvem pública, desde computação elástica, armazenamento, redes, até bancos de dados para atender à crescente demanda de negócios dos setores como varejo, fintech e internet, entre outros.

“A Arábia Saudita está dando grandes passos no sentido de fornecer uma infraestrutura de TI escalável e segura para acompanhar a demanda, através de um serviço de nuvem robusto e seguro na era digital. Estamos extremamente satisfeitos em colaborar com a Alibaba Cloud, que alavancará sua experiência em tecnologia e indústria know-how para nossos clientes no Reino que desejam adotar a inovação digital”, disse Olayan Mohammed Alwetaid, CEO do STC Group.

A Vice-presidente do Alibaba Group, também presidente da Alibaba Cloud Intelligence International, Selina Yuan disse que “A Arábia Saudita é um mercado muito estratégico e importante para o Alibaba Cloud. Este lançamento da nova joint venture é um marco significativo em direção ao nosso compromisso de forjar colaborações com parceiros locais para impulsionar a transformação digital no Reino.”

“Ao colaborar estreitamente com o STC Group e outros parceiros locais, estamos satisfeitos e confiantes de que a Alibaba Cloud apoiará mais empresas locais as quais se beneficiarão das principais tecnologias de computação em nuvem”, disse ela.

A Arábia Saudita tem trabalhado para se tornar líder regional em tecnologia de nuvem. No início deste ano, o Ministério das Comunicações e Tecnologia da Informação do Reino anunciou planos para investir bilhões de dólares americanos em tecnologias futuras. Fim

Vice-presidente do Grupo Alibaba e presidente da Internacional da Alibaba Cloud Intelligence, Selina Yuan, fala em uma cerimônia de lançamento da Saudi Cloud Computing Company em Riad, Arábia Saudita, em 5 de junho de 2022. Saudi Cloud Computing Company (SCCC), uma nova joint venture formada por chineses e empresas sauditas, lançou seu serviço na Arábia Saudita para atender à crescente demanda por serviços em nuvem no Reino. (Xinhua/Wang Haizhou)

Leia também:

Montadoras alemãs devem investir mais na China

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

CMOC gastará US$ 1,826 bilhão no projeto de KFM em Congo

O CMOC Group Limited (603993.SH, 03993.HK) anunciou nesta quinta-feira que investirá cerca de 1,826 bilhão de dólares na fase I do desenvolvimento do projeto da mina de cobre-cobalto de Kisanfu (KFM), na República Democrática do Congo (RDC).

Banco central da China injeta liquidez via recompra reversa

O Banco Central da China injetou nesta sexta-feira 10 bilhões de yuans (cerca de 1,5 bilhões de dólares) de recompra reversa, visando manter a liquidez do sistema bancário.

O mercado de pequenos artigos chineses é inaugurado em Dubai

O mercado de Yiwu, um centro de compras para pequenas mercadorias chinesas, foi inaugurado nesta quinta-feira em Dubai, oferecendo uma alternativa de mercado para compradores estrangeiros adquirirem produtos fabricados na China, informou Chinanews.com.

Últimas Notícias

Ford Brasil: Centro global de exportação de serviços de engenharia

Projetos de ponta voltados ao futuro da mobilidade, como veículos elétricos, autônomos e conectados. 

Senado vai analisar vetos na Lei Aldir Blanc

Existe uma fila de 36 vetos aguardando votação dos senadores e deputados

Caixa: desconto de até 44% para regularizar penhor em atraso

As unidades com serviço de penhor disponível podem ser consultadas no site da Caixa

Índice de Preços ao Produtor (IPP) sobe 1,83% em maio

Das 24 atividades analisadas, 21 tiveram alta de preços

Acqio inclui transações via Pix em suas soluções de pagamento

Em abril os pagamentos feitos via Pix atingiram a marca histórica de 11,5%, no comércio eletrônico