Sem combustível novo, economia não anda

Aproveitar miséria da população para criar exército de informais é condenar país a novo tombo.

Como já analisamos neste espaço, a volta da renda emergencial é certa, tanto pelo efeito na popularidade do Governo Bolsonaro – que saiu da lama quando o auxílio começou e para lá está retornando após o fim do pagamento – quanto pela pressão do comércio e serviços, que viram o movimento despencar em janeiro.

O governo estuda reeditar o benefício, limitado a parcos R$ 200, atrelado à aceitação, pelo beneficiário, da carteira verde-amarela. Quer, assim, aproveitar a falta de trabalho e a miséria para retirar mais direitos dos trabalhadores e ampliar o contingente de informais.

“Atrelar este programa, que sequer foi aprovado pelo Congresso Nacional, ao Bônus de Inclusão Produtiva”, nome dado ao novo auxílio emergencial, “é somente mais um passa-moleque que o Governo Bolsonaro quer dar nos trabalhadores”, repudia a Força Sindical. As centrais sindicais estão unidas em torno da volta da renda de R$ 600, sem a retirada de nenhum direito.

Se Bolsonaro idolatrava Trump, o ministro Paulo Guedes deveria aprender com Biden: neste momento de pandemia, com a vacina ainda limitada, é preciso reduzir a miséria, por um lado, e ampliar os investimentos do Estado, por outro. A roda da economia só vai girar e pegar ritmo se tiver os 2 estímulos. Tentar cortar orçamento para pagar o auxílio é o mesmo que não sair do lugar. Ninguém deseja um novo ano perdido.

 

Novos embaixadores

O Prêmio Embaixadores de Turismo do RJ será em 28 de março, às 15h, da forma como manda as regras atuais: online. O evento é uma iniciativa da Fundação Cesgranrio e do Portal Consultoria em Turismo Bayard Boiteux e visa homenagear pessoas que, durante o seu dia a dia, enaltecem, de alguma forma, o nome do Rio de Janeiro, seja na cultura, na música, no esporte, no turismo, na gastronomia, no jornalismo, entre outros.

Na edição 2021, foram escolhidos, entre outros, Alexandre Cavalcante (American Airlines), Antônio Queiroz (presidente da Fecomércio RJ), Margareth Dalcolmo (médica e pesquisadora) e Solange Mano (artista plástica). Durante a premiação, a cantora Patrícia Mellodi fará um mini show. Para assistir, basta acessar: Embaixadores do Turismo do Rio de Janeiro.

 

ABI contra Aras

A Associação Brasileira de Imprensa (ABI) encaminhou representação ao Conselho Nacional do Ministério Público contra o procurador-geral Augusto Aras, por prevaricação, pedindo o seu imediato afastamento do cargo. Acusa Aras de proteger o governo e a família Bolsonaro.

 

Rápidas

Nesta quarta-feira, às 20h30, os empresários Eduardo Martins e Vivian Huet vão contar como orientam os estudantes na escolha profissional, no Instagram da Kika Macedo (o dica da Kika) *** A Comissão Especial de Direito Tributário da OAB Nacional lamenta o falecimento, dia 2, de José Souto Maior Borges, um dos maiores tributaristas do Brasil, autor de alguns dos principiais livros na temática tributária no Brasil, a exemplo de Lançamento Tributário e Introdução do Direito Financeiro *** Marina Ruy Barbosa é a nova embaixadora do Banco Safra. A primeira campanha se chama “Quem Sabe, Safra”.

Leia mais:

Reforma: bancos ganham, arroz pagará mais

Carro elétrico precisa de petróleo

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Alerj discute tombamento do Engenhão

Projeto impedirá demolição ou fim da pista de atletismo.

Ensino superior em Portugal sobrevive graças aos alunos estrangeiros

Valor pago pode ser 5x maior que por nacionais.

Construção da P-80 ‘exporta’ 395 mil empregos

Candidatos defendem volta do conteúdo local e fazer reparos de embarcações no Rio.

Últimas Notícias

Rio restabelece parte dos serviços hackeados

Sistemas fazendários continuam fora do ar.

Preço dos medicamentos recuou 0,74% em julho

Após avançar 1,32% em junho, queda mensal observada foi inferior à variação do IPCA/IBGE.

Vestuário e calçados têm desempenho positivo entre redes de moda

Dia dos Pais impulsionou desempenho do setor; mercado de roupas usadas pode ultrapassar varejo de moda em 2024.

Bares e restaurantes tiveram o maior faturamento do ano em julho

Segundo associação do setor, 32% dos estabelecimentos operaram com lucro no período, enquanto 41% tiveram equilíbrio.

China aprofunda cooperação agrícola pela segurança alimentar global

Quando os ventos sopram a exuberante fazenda de trigo que se estende por cerca de 300 hectares no noroeste do Zimbábue em agosto, é difícil acreditar que essa terra fértil era estéril há uma década.