Sem projeto de nação

A China fixou, em plano quinquenal para progresso científico e tecnológico, a meta de que a contribuição de serviços de conhecimento intensivo a seu Produto Interno Bruto (PIB) aumente de 15,6%, registrado em 2015, para 20% em 2020. A produtividade total dos fatores, da qual o progresso tecnológico é uma subdivisão, visa representar 60% do crescimento econômico do país em 2020, ante 55,3% no ano passado, revelou o plano publicado pelo Conselho de Estado nesta segunda-feira. O número de pedidos de patentes da China deve dobrar até.

Esta talvez seja uma das principais diferenças entre China e Brasil. Enquanto os chineses têm um projeto de nação e buscam alcançá-lo com programas e objetivos concretos, os brasileiros patinam em disputas de curto prazo, sem conseguir engajar o país em uma pauta comum. Isso ficou claro em conversa que esta coluna teve com Xie Guoming, editor-chefe adjunto do People’s Daily, maior jornal chinês, e com Zhang Weizhong, chefe das sucursais da América Latina. Um exemplo, dado por Weizhong, deixa isso claro: o Brasil, com José Serra no Itamaraty, colocou a China na nona prioridade – entre dez – da política externa do novo governo.

O People’s Daily, jornal do Partido Comunista, tem tiragem diária entre 3 milhões e 4 milhões. A sucursal em Brasília comanda as operações na América Latina, o que mostra o interesse dos chineses na integração com o Brasil.

Irã bane o Pikachu

Esta coluna mostrou, na edição que circulou em São Paulo no final de semana (disponível no site), a teoria da conspiração que une o megassucesso Pokémon Go à CIA. O Irã acredita que é mais que teoria e mandou bloquear o acesso ao jogo.

O problema está na possibilidade de utilização das imagens capturadas pelos smartphones dos inocentes jogadores. As autoridades receiam que locais secretos acabem sendo revelados. Os serviços de informação dos Estados Unidos têm total acesso aos servidores das companhias estadunidenses. Quem instala o Pokémon Go ou usa serviços como o Google autoriza essa, digamos, espionagem em potencial.

Arroz, feijão, saúde e educação

Pouco mais da metade (52%) das pessoas que participaram de enquete do site PiniOn não concordam que sediar os Jogos Olímpicos é positivo para o Brasil. Apenas 24% aprova esta afirmação. O principal motivo dos que são contra é que avaliam que o dinheiro investido nas Olimpíadas deveria ter sido usado em outras áreas, como educação e saúde; outros acham que houve gasto excessivo em um evento de baixa importância.

Prisão ideológica

Ana Paula Padrão garantiu, durante a transmissão da cerimônia de abertura dos Jogos, que a Coreia do Norte não participaria do desfile. Deu dois motivos: primeiro, que a delegação não pode desfilar junto com a Coreia do Sul; segundo, que os atletas estavam isolados na Vila Olímpica e não poderiam se comunicar com ninguém.

O desfile dos sul-coreanos, em ordem alfabética, na letra “C”, parecia dar razão à dublê de jornalista e apresentadora de programa culinário. Mas aí veio a letra “R”, e apareceram os norte-coreanos, seguindo o cartaz da República Popular Democrática da Coreia.

Foi a gafe mais expressiva da ex-global Ana Paula. Outra ocorreu ao tentar minimizar as vaias ao presidente interino, dizendo que foram breves. Mereceu comentário debochado até do companheiro Ricardo Boechat, que afirmou que, se Temer se atrevesse a fazer um discurso, seria vaiado até a última palavra.

A jornalista se saiu melhor traduzindo os discursos, em inglês e francês, das autoridades e homenageado. Conseguiu escapar até do “sex” disparado sem querer por Carlos Arthur Nuzman.

Impagável

Já na Globo, Galvão Bueno continua o mesmo. Para contar as gafes do apresentador é preciso recorrer a uma calculadora científica.

Rápidas

A prefeita de Paris, Anne Hidalgo, conhecerá nesta quarta-feira Niterói e a Associação Niteroiense de Deficientes Físicos (Andef), parceira do Instituto Masan. Durante a visita, serão apresentados os projetos da Andef, que é referência no tratamento e assistência a pessoa com deficiência, atendendo a mais de 7 mil pessoas por ano *** Uma casa 95% reciclável. É o que a Aliansce Shopping Centers apresenta na Barra da Tijuca até o final das Olimpíadas. A Casa Aliansce funciona das 7h às 19h no estacionamento do Via Parque. A estrutura foi construída com 20 contêineres com cerca de 350m² *** A Associação dos Advogados de São Paulo (AASP) organizou diversos eventos para celebrar o Dia 11 de Agosto, data da criação dos cursos jurídicos no Brasil. Detalhes em www.aasp.org.br/cursos *** A Universidade Castelo Branco fechou parceira para realizar oficinas gratuitas no Shopping Jardim Guadalupe (RJ) em agosto. Os temas vão de Fotografia de Bolso (dia 10) a Currículo e Entrevista de Empego (29). Mais informações: (21) 3512-9100 *** A sexta edição do Abramente acontecerá de 15 a 18 de agosto, das 19h às 22h, no Shopping Pier 21 (DF). O evento busca aproximar os jovens do empreendedorismo. As palestras são gratuitas, e as oficinas, pagas. Mais informações: www.facebook.com/abramentebsb

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Bolsonaro invade TV Brasil

Programação foi interrompida 208 vezes em 1 ano para transmissão ao vivo com o presidente.

FMI: 4 fatores ameaçam inflação

Fundo acredita que preços deem uma trégua no primeiro semestre de 2022, mas...

Pandora Papers: novos atores nos mesmos papéis

Investigação mostra que pouco – ou nada – mudou desde 2016.

Últimas Notícias

Benext lança primeiro serviço de voice commerce no Brasil

Desenvolvida pela startup para Colgate-Palmolive, a loja é integrada com a Amazon e o cliente faz toda a compra por comando de voz.

‘Imortal: Arte, Alma e Futuro’ nesta 5ª feira

Autora do monumento em homenagem a Ayrton Senna expõe 45 peças inéditas no Centro Cultural Correios RJ.

Exposição ‘Enredados’ no Centro Cultural Correios RJ

São seis esculturas e seis pinturas, com 2 metros de altura, abstratas e com metal naval.

Protestos contra a venda da Reman

O Sindicato dos Petroleiros do Amazonas (Sindipetro-AM), filiado à Federação Única dos Petroleiros (FUP), entrou com ação na Justiça contra a venda da Refinaria...

Vale e empresa chinesa buscam descarbonização para a siderurgia

A Vale assinou um Memorando de Entendimento ("Memorandum of Understanding”, ou “MoU”, em inglês) com a chinesa Jiangsu Shagang Group Co., Ltd em que...