Tamanho

José Serra começou a campanha prometendo mudar a política econômica e criticando o Banco Central. Patrulhado pela tropa de choque do mercado financeiro instalada nas editorias de economia, parece ter perdido o rumo. Agora, faltando pouco mais de uma semana para o segundo turno, corre o risco de terminar a campanha de mãos dadas com a TFP e protagonizando a edição da República do Galeão II, na sua versão mais patética, a República da Bolinha de Papel ou da Fita Crepe, a depender de quem edita as imagens. Caso insista nessa senda, vença ou perca as eleições, sairá das eleições muito menor do que entrou.

Eventos históricos
Do sempre impagável José Simão, ao comentar os inacreditáveis sete minutos dedicados pelo Jornal Nacional à empolgante polêmica se Serra fora atingido por uma bolinha de papel ou por “outro evento”: “Fátima Bernardes, parecia que o Kennedy tinha sido assassinado pela segunda vez.. Olhar solene, compungido, dramático. Péra aí, gente. Brasil! Tem um monte de tema para discutir. É um non sense total”, apelou.

Guia
Jogar uma luz na questão da substituição tributária em todo o país é o desafio que o Cenofisco – Centro de Orientação Fiscal – assumiu ao lançar o produto eletrônico Substituição Tributária Nacional. “O principal objetivo é facilitar a pesquisa de mercadorias sujeitas ao regime de substituição tributária nas operações interestaduais”, explica o sócio-diretor Antonio Carlos Nunes.

Supernany
A rede Kanguruh de Babás inaugurou franquia em Alphaville, que vai atender à região de Barueri e cidades adjacentes. A rede, com cerca de 80 unidades, oferece o que o nome sugere: profissionais com experiência – e de confiança – para cuidar das crianças, enquanto os pais trabalham. A franquia garante que confere referências e documentações, além de treinar as profissionais.

Acolhedora
A Escola Politécnica inaugurou as primeiras obras do Reuni na UFRJ. O Programa de Apoio a Planos de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni) proporcionou reformas, expansão e projetos: “Queremos elevar a nossa escola e a universidade aos padrões mais elevados de ensino. Para isso, precisamos não apenas dos melhores profissionais, mas de um ambiente receptivo que transforme a faculdade em um local acolhedor, aonde os alunos queiram estar”, disse o diretor da Poli/UFRJ, professor Ericksson Almendra.

Teleton
A Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) pretende arrecadar R$ 20 milhões no Teleton 2010. O show será transmitido ao vivo pelo SBT, em 5 e 6 de novembro, com Silvio Santos no comando e a participação de cerca de 70 artistas. Com os recursos das 12 edições anteriores, foram construídas nove unidades. Somente em 2009, a AACD realizou 1.347.777 atendimentos, entre cirurgias, consultas e terapias. Doações já podem ser feitas. Detalhes em www.teleton.org.br

Corrida contra o câncer
Realizadas em 127 cidades nos Estados Unidos e em outros 11 países, a Corrida e a Caminhada pela cura, este ano, ocorrerá pela primeira vez na América do Sul. No próximo domingo, na orla da Zona Sul do Rio de Janeiro, os brasileiros se juntarão a cerca de 1,5 milhão de pessoas que participam em todo o mundo do evento que já arrecadou quase US$ 2 bilhões em doações de pessoas e empresas, recursos destinados à pesquisa para a erradicação do câncer de mama, tratamentos, mamografias e programas educativos. O evento é promovido pela Fundação Susan Komen for the Cure e acontece no Brasil em parceria com cinco entidades médicas: Sociedade Franco-Brasileira de Oncologia, Instituto Oncoguia, Sociedade Brasileira de Oncologia Clinica, Sociedade Brasileira de Mastologia e Femama.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTucano na UTI
Próximo artigoAnátemas

Artigos Relacionados

Brics+ será gigante em alimentos e energia

Bloco ampliado desafia EUA rumo a nova ordem mundial.

Para combater Putin, adeus livre mercado

Teto para preço do petróleo é nova sanção desesperada do G7.

Inflação engorda lucros de bilionários de energia e alimentos

Fortunas dos ricaços desses 2 setores aumentaram US$ 1 bilhão a cada 2 dias desde 2020.

Últimas Notícias

Setor de energia é um dos alvos preferidos de hackers

Mais de 60% de todos os ataques foram de phishing; organizações criminosas de hackers são ameaça às infraestruturas críticas do Brasil.

Países árabes planejam expansão de energia limpa

Omã, Marrocos, Argélia e Kuwait estão entre os que têm planos mais ambiciosos.

‘Governo não apenas poderia, como deveria intervir na Petrobras’

Para especialista, Governo Federal deveria estar mais atuante para combater os preços abusivos dos combustíveis em toda a cadeia.

Exterior cauteloso pode prejudicar negócios locais

Índices futuros acionários em Nova Iorque operam em queda significante: temores relacionados a uma possível recessão nos EUA.

Marrocos quer se desenvolver como polo de tecnologia

Setor digital emprega 120 mil pessoas no país; país tem investido em acordos e memorandos para aumentar investimento na área.