TCM vota contas de Haddad de 2015; para PV, há irregularidades

Um relatório técnico de 501 páginas, elaborado por auditores do Tribunal de Contas do Município, compromete as contas de 2015 do prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT).
– Existem 35 infringências gravíssimas – aponta o vereador Gilberto Natalini (PV-SP).
Ao todo os auditores indicaram 190 infringências. As contas de Haddad serão apreciadas pelo TCM na próxima quarta-feira, dia 29. Além das 35 gravíssimas, Natalini levantou outras 41 faltas graves, 112 recomendações e dois itens prejudicados.
– Faço um apelo para que os senhores conselheiros do TCM votem tecnicamente, conforme o ótimo relatório produzido pelos auditores – afirma Natalini.
Em seu balanço apresentado no final de março, o prefeito de São Paulo apresentou um superávit de R4 3,9 bilhões nas contas de 2015. O relatório do TCM concluiu, porém, que houve um déficit – não um superávit – de R$ 90 milhões.
– Haddad fez todo o tipo de pedaladas. De forma recorrente, o prefeito pegou recursos de investimentos e jogou no custeio da máquina administrativa. Isso é gravíssimo -, relata o vereador do PV
Quatro conselheiros devem votar a aprovação ou a rejeição do parecer técnico sobre as contas do prefeito. Se houver empate, o voto decisivo será do presidente do TCM. Depois caberá à Câmara Municipal apreciar a decisão dos conselheiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Conecta SP: investimento de R$ 3 milhões para agilizar chegada do 5G

Iniciativa auxiliará municípios a receber 5G com modernização de leis locais de antenas.

Valor do aluguel novo cai 0,80% em São Paulo

Apesar da queda, imóveis de 2 dormitórios foram os que registraram maior acréscimo: 0,15%.

SP mapeia 50 desmanches de veículos pesados

Já sobre roubo de cargas, em meio à concentração na região paulista, transportadoras buscam soluções para o combate ao crime.

Últimas Notícias

Proteção Tabajara nos aeroportos contra a Covid

Ex-secretário cobra adoção de exigências eficazes.

Covid-19: Turismo mundial perde US$ 2 trilhões em 2021

Segundo dados da OMT, as chegadas internacionais caíram até 75% este ano.

Prevent Senior mentiu sobre cloroquina e faz acordo com o MP-SP

Empresa também cita que inexiste conclusões  de pesquisa sobre eficácia do kit covid.

Contas públicas fecham com saldo positivo de R$ 28,195 bi em outubro

Dívida Pública deve fechar 2021 com queda superior a 8 pp do PIB em relação a 2020.

SuperaRJ chega a R$ 200 milhões em recursos liberados pela AgeRio

Foram liberados cerca de R$ 57 milhões em recursos para MEIs, autônomos e informais.