Tirando a venda

Na contramão da retórica do primeiro-ministro da Inglaterra, David Cameron, o titular de Trabalho e Previdência, Iain Duncan Smith, admitiu que os violentos conflitos verificados nas ruas do país são um “aviso” do que pode acontecer se o governo não realizar reformas sociais. A afirmação foi feita por Smith em entrevista à revista conservadora The Spectator, na qual também previu que esses acontecimentos terão influência capital sobre o futuro do governo de Cameron.

Menos de 20%
De cerca de 10 mil toneladas de resíduos da construção civil no Estado do Rio de Janeiro, apenas 1.800 são identificadas e destinadas a locais apropriados, lamentou o superintendente de Políticas de Saneamento da Secretaria de Estado do Ambiente, Victor Zveibel, no primeiro dia do seminário “Política Nacional de Resíduos Sólidos”, realizado na Assembléia Legislativa (Alerj).

Reparo
Vistos como carros que, no Brasil, dão problema na oficina, os Citroen parecem ter virado esta página. Quatro modelos da marca estão entre os primeiros colocados no Car Group 2011, índice que avalia o custo e o tempo de reparo de um veículo. A montadora francesa e a Volkswagen foram as mais premiadas deste ano. O ranking é elaborado pela consultoria Cesvi Brasil.

Geopolítica
“Centros de Poder e os Países do Bric” é o tema de palestra que Osvaldo Nobre fará na próxima segunda-feira, às 19h30, no Rotary de Miguel Pereira (RJ), na sede própria do clube.

LA engarrafada
Apesar da paralisia em que patina a economia dos Estados Unidos, brasileiros que visitam o país ficam impressionados com a quantidade de carros nas ruas de Los Angeles. Os engarrafamentos são recorrentes mesmo com o preço do galão de gasolina tendo quase triplicado nos últimos anos.

Desfalque gaúcho
Integrante do gigantesco fã clube do senador Pedro Simon (PMDB-RS) – um dos principais líderes do movimento suprapartidário que promete apoiar a presidente Dilma em ações contra a corrupção – esta coluna lamenta que, durante a administração de Yeda Crusius (PSDB), no Rio Grande do Sul, quando pipocaram denúncias de irregularidades, inclusive, proferidas pelo vice-governador da tucana, Paulo Feijó (DEM), Simon tenha sido acometido de uma forte rouquidão que o impediu de colocar sua combatividade a serviço do movimento pela ética no seu estado. Felizmente, no mesmo período, em Brasília, apesar do ar menos úmido do que no Rio Grande, Simon recuperava a voz e a retórica contra atos que considerava irregulares do Governo Lula.

Conselho
A Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) deve levar à pauta de votação, ainda este mês, projeto que cria o Conselho Estadual de Comunicação. A previsão é do autor do projeto, deputado Paulo Ramos (PDT): “Temos de colocar o projeto em pauta, nem que seja para discutir”, destaca Ramos, segundo o Sindicato dos Jornalistas do Município do Rio de Janeiro.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorFraudador, o perfil
Próximo artigoPitonisa

Artigos Relacionados

Bolsonaro invade TV Brasil

Programação foi interrompida 208 vezes em 1 ano para transmissão ao vivo com o presidente.

FMI: 4 fatores ameaçam inflação

Fundo acredita que preços deem uma trégua no primeiro semestre de 2022, mas...

Pandora Papers: novos atores nos mesmos papéis

Investigação mostra que pouco – ou nada – mudou desde 2016.

Últimas Notícias

Mercados operam mistos no exterior

No Brasil haverá resposta ao Copom.

Elevação na Selic deve repercutir no mercado

EUA: divulgação de PIB do terceiro trimestre e balanços de grandes empresas são o foco das atenções no cenário internacional.

TSE forma maioria contra cassação da chapa Bolsonaro-Mourão

PT, PCdoB e PROS pedem cassação da chapa por cometimento de abuso de poder econômico e uso indevido dos meios de comunicação.

IGP-M acumula inflação de 21,73% em 12 meses

Alta da taxa de setembro para outubro foi puxada pelos preços no atacado.

Mirando agora na PEC dos Precatórios

Ultrapassada a decisão do Copom, investidores vão mirar na avaliação da PEC cheia de 'jabutis' que ainda não foram retirados.