Tratamento de choque

Se juntar Saúde e Educação do Governo Bolsonaro, chega-se ao moderno sistema empregado em um instituto em Massachusetts.

Documento do Ministério da Saúde deu sinal verde para a compra de aparelhos de eletrochoques para o SUS. Também reforçou a possibilidade da internação de crianças em hospitais psiquiátricos. Se juntar esta estratégia com a pasta de Educação, poderia desembocar no Judge Rotenberg Educational Center.

Trata-se de um estabelecimento para crianças e adultos com dificuldade de aprendizado, em Massachusetts (EUA). Os estudantes de lá usam um equipamento de choque, chamado GED (graduated electronic decelerator, algo como desacelerador eletrônico de escala), em suas mochilas, com eletrodos afixados em diversos pontos do corpo. Se têm um comportamento julgado como não adequado, os alunos podem levar um choque por até dois segundos. O GED é acionado pela equipe do Rotenberg Center.

Diferentemente da eletroterapia, os choques não são aplicados no cérebro, sob anestesia. Os eletrodos estão em locais como embaixo das unhas, e o objetivo é provocar dor. Ex-alunos reclamam que até atitudes banais, como não retirar o casaco ou chorar durante a aplicação do choque, levam a punições.

A justiça norte-americana decidiu, em julho do ano passado, que os métodos do Judge Rotenberg Educational Center são legais. É a única escola nos Estados Unidos que ainda aplica choques com fins de comportamento.

Ao Estado de S.Paulo, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse não conhecer o documento do seu Ministério mas admitiu que as medidas “são polêmicas”.

 

Norte-Sul fora dos trilhos

O Tribunal de Contas da União condenou as empresas Constran e STE Serviços Técnicos de Engenharia e seus executivos ao pagamento de débito e multa que somados chegam a R$ 49,5 milhões. A decisão se deu após analisar Tomada de Contas Especial relativa a “superfaturamento nas obras da Ferrovia Norte-Sul, trecho de 108 km em Goiás”.

O contrato original para construção do trecho 4, localizado entre os municípios goianos de Santa Izabel e Uruaçu, foi de R$ 245,5 milhões. Também foi pedido o arresto de bens dos citados no processo. Os executivos ficam inabilitados para exercício de cargo em comissão ou função de confiança no âmbito da Administração Pública pelo período de oito anos.

O processo é o 014.364/2015-8, e o relator, o ministro Benjamin Zymler.

 

Gato por lebre

O otimismo com a melhora dos fundamentos da economia brasileira melhorou o risco soberano do país e levou o CDS (Credit Default Swap) do Brasil, indicador de risco de crédito dos títulos públicos, a uma queda de 12,9%. Isso é o que tentam vender. Mas não é bem o que ocorre.

Indicadores de risco de crédito soberano de outras economias emergentes também estão em queda. O risco brasileiro caiu, mas continua acima do índice de economias latinas como México e Peru, observa a Mapfre Investimentos.

O atual risco de crédito relativo brasileiro equivale ao do período pré-eleitoral e é superior ao do período anterior a 2015. “Em resumo, o nosso risco relativo de crédito, findada a incerteza eleitoral, reduziu-se para o nível observado na gestão Michel Temer, ainda acima do observado até o fim do primeiro mandato de Dilma Rousseff. A conclusão, contraintuitiva, é de que a redução do risco relativo seria mais derivada do fim da incerteza eleitoral do que da expectativa de reformas futuras”, analisa a Mapfre.

 

Boechat

As associações nacionais de Jornais (ANJ) e de Editores de Revistas (Aner) manifestam pesar diante da morte do jornalista Ricardo Boechat, nesta segunda-feira, em São Paulo. “Um dos mais respeitados jornalistas brasileiros”, atestam as entidades. A coluna se soma ao pesar e se solidariza com a família.

 

Alvo

Quando o PT ainda estava no poder, na Flórida o neto do ditador João Figueiredo praticava tiro ao alvo com a estrela vermelha do partido, junto de Rodrigo Constantino. De lá pra cá, Lula foi preso, e Paulo Figueiredo, incluído na lista de difusão vermelha da Interpol.

 

Rápidas

A Coca-Cola Femsa Brasil está selecionando candidatos para as áreas de RH e Finanças na sua unidade de Jurubatuba (SP). Inscrições: www.taqe.com.br/FEMSA *** Leandro Laranja fará show quinta-feira, às 19h, no Shopping Jardim Guadalupe, dentro do projeto Música na Praça *** Nesta quarta-feira, o Center Shopping Rio realizará campanha de doação de sangue em parceria com o Hemorio, das 10h às 15h *** O Brasas inicia parceria com a Lego Education, a primeira no Brasil com cursos de idiomas. A novidade chega para os alunos na volta às aulas nas turmas de Kids e Juniors.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Sonho da casa própria fica mais distante

Contratação de moradias com recursos do FGTS cai ano após ano.

Moeda chinesa na mira dos bancos centrais

Participação como reserva internacional ainda é baixa… por enquanto.

Bolsonaro comanda pior resposta à pandemia da AL

Para formadores de opinião, Brasil foi pior até que a estigmatizada Venezuela.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

S&P aumenta nota de crédito da Petrobras

A agência de classificação de risco S&P Global Ratings (S&P) elevou a nota de crédito da Petrobras. A nota de crédito stand-alone (risco intrínseco)...

Movida supera as expectativas e ações sobem 8%

A Movida, empresa de locação de veículos, gestão e terceirização de frotas e vendedora de semininovos, reportou lucro líquido ajustado de R$ 174 milhões...

BNDES financia Norflor no combate ao efeito estufa

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) concederá financiamento será concedido à Norflor Empreendimento Agrícolas no valor de até R$ 27,4 milhões,...

Uma criptomoeda 100% brasileira

Uma parceria entre as startups Stonoex e AMZ viabilizou o lançamento da criptomoeda brasileira ZCO2. É uma criptomoeda que prevê a proteção da Amazônia...

Aumenta investimento estrangeiro em Xangai

O investimento estrangeiro integralizado em Xangai registrou um aumento anual de 21,1% no primeiro semestre de 2021, anunciaram autoridades locais. A utilização real do...