Trump pressionou brasileiro para mudar status dos EUA na OMC

Roberto Azevedo deixou Organização do Comércio 1 ano antes do fim do mandato.

Donald Trump pressionou o brasileiro Roberto Azevedo, que ocupava o cargo de diretor-geral da Organização Mundial do Comércio, para os EUA serem tratados como um “país em desenvolvimento”, status que detêm China, Índia, Argentina e dezenas de outros países.

A revelação, segundo reportagem do UOL, consta do livro Rage (Simon & Schuster), do jornalista Bob Woodward (caso Watergate), lançado nesta terça-feira. O status pretendido por Trump permite impor tarifas mais elevadas que os países ricos e ter mais espaço para a intervenção do estado na economia.

De acordo com o livro, Trump ameaçou sair da OMC em uma conversa com Azevedo, por telefone. Em maio, de forma surpreendente, o brasileiro anunciou que deixaria a entidade um ano antes do fim de seu mandato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

UE tenta expandir oportunidades no oeste da China

Nos primeiros oito meses de 2021, o volume comercial entre a China e a União Europeia (UE) aumentou 32,4% ano a ano. O volume...

Quase 2 milhões morrem por ano de causas relacionadas ao trabalho

Tedros: 'relatório é um alerta aos países e às empresas para melhorar e proteger a saúde e a segurança dos trabalhadores'.

Afeganistão: Talibã nomeia radicais para postos-chave

Nomeações aumentam a lista de fundamentalistas no principal grupo de ministros.

Últimas Notícias

Queiroga ficará em quarentena em NY

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, não volta por enquanto ao Brasil. O motivo não foi o gesto obsceno que fez com o dedo,...

Startup de inteligência artificial terá acesso ao hub de dados da B3

A 4KST, fintech de inteligência artificial, com foco em eficiência financeira, e a B3 anunciaram nesta terça-feira um acordo com foco em compartilhamento e...

BNDES: R$ 166 milhões para linhas de transmissão da Energisa Tocantins

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou financiamento de R$ 166 milhões para a Energisa Tocantins Transmissora de Energia (Grupo Energisa),...

UE tenta expandir oportunidades no oeste da China

Nos primeiros oito meses de 2021, o volume comercial entre a China e a União Europeia (UE) aumentou 32,4% ano a ano. O volume...

Deputados querem venda direta de etanol aos postos

Em audiência pública da Comissão de Minas e Energia, realizada nesta terça-feira, deputados defenderam a aprovação da Medida Provisória 1063/21, que autoriza produtores e...