Trump tinha razão, e essa foi sua derrota

A “vitória esmagadora” de Donald Trump na eleição dos EUA teve dois lados: a reeleição do presidente em exercício potencialmente mobilizou mais de 90 milhões de cidadãos para votar, mas, infelizmente para Trump, metade deles queria se livrar dele. É o que analisa, com dose de ironia, Timo Järvinen, CEO da NayaDaya Inc, empresa finlandesa especializada em captar e analisar emoções.

De acordo com estudo publicado em 28 de outubro e conduzido por NayaDaya, YouGov e Statista, a emoção positiva mais comum entre os eleitores dos EUA em relação à reeleição de Trump ou à eleição de Biden foi o de alívio.

“No contexto da eleição”, escreve Järvinen, “o alívio implica evitar um resultado eleitoral indesejável. Na eleição presidencial dos EUA, significa evitar a reeleição de Trump ou a eleição de Biden. Os eleitores que expressaram alívio pela reeleição de Trump não foram inspirados por Trump, eles apenas queriam evitar a eleição de Biden. Aqueles que expressaram alívio pela eleição de Biden não ficaram maravilhados com a eleição de Biden, eles apenas queriam se livrar de Trump.”

A perda de Trump foi principalmente devido a ele mesmo. “A descrença de Trump quanto ao resultado de Biden parece originar-se de uma incapacidade de entender e aceitar as influências de seu próprio comportamento e política. O próprio Trump foi a razão para o número extremamente alto de votos para Biden.”

“A verdadeira fonte do resultado da eleição foram as experiências e cenários repugnantes, assustadores e decepcionantes que fizeram o povo dos Estados Unidos votar mais do que nunca – expulsar seu presidente em exercício da Casa Branca”, finaliza Järvinen.

Quem quiser conhecer a matemática da “vitória esmagadora” (landslide, no original), pode conferir em “The Real ‘Landslide’ Throws Trump Out of the White House

 

Vai estourar?

A bolha do bitcoin estourará em algum momento nos próximos meses, se não antes, afirma o analista de mercado financeiro da Oanda, Edward Moya. Enquanto isso, a moeda virtual segue em alta e volátil. “O movimento parabólico do bitcoin para cima ainda está sendo impulsionado principalmente por fluxos institucionais. A volatilidade permanecerá elevada, e agora a onda de sucesso tem todos de olho no nível de US$ 50 mil.” “O bitcoin tem tudo a ver com momentum, e essa volatilidade não diminuirá tão cedo”, finaliza.

 

Rápidas

Entre 11 e 29 de janeiro, a Rio Ecoesporte promove a primeira edição da Ecolônia de Férias, para crianças de 4 a 12 anos, na Barra da Tijuca. Informações: (21) 99742-6155 *** A linguagem fascista é o título do livro escrito pelos professores Carlos Piovezani, do Departamento de Letras (DL) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e Emilio Gentile, da Universidade La Sapienza de Roma, e que está sendo lançado pela Editora Hedra. A obra trata das principais características da linguagem empregada por Adolf Hitler, Benito Mussolini e… Jair Bolsonaro.

Leia mais:

México proíbe glifosato e milho transgênico

O que restará do mercado consumidor?

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Leilão do Tambaú Hotel em João Pessoa

Imóvel projetado por Sérgio Bernardes pertenceu à Varig.

WEF, os riscos dos ricos

Quando se tornarão ameaças críticas para o mundo?

Preços se multiplicam com térmicas caras

Desempenho do mercado livre de energia elétrica frustra e leva a medidas não planejadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

EUA: bens duráveis avançaram abaixo do esperado

Segundo analista, encomendas excluindo-se transportes surpreenderam positivamente e teve revisão altista na leitura anterior.

Mercado aguarda Fomc e estímulo nos EUA

No Brasil, receio fiscal e incertezas quanto a vacinação contribuíram para que a Bolsa não suportasse as máximas do dia.

NY à espera de balanços da Apple, Boeing e Facebook

Índices futuros das Bolsas nova-iorquinas estão operando mistos à espera de mais balanços trimestrais de grandes empresas dos EUA.

Rio começa nova fase de vacinação contra Covid

Expectativa da prefeitura é vacinar 66 mil pessoas.

Congresso encerra recesso e encara votação do orçamento

Eleições das mesas diretoras do Senado e da Câmara serão realizadas dia 1º.