TSE divulga novas datas para etapas da eleição municipal

Campanha terá início em 26 de setembro; na TV, de 9 de outubro a 12 de novembro.

Decisões Econômicas / 17:30 - 13 de ago de 2020

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor

Com o adiamento das eleições municipais de 4 de outubro para 15 de novembro, o TSE divulgou esta semana o novo calendário eleitoral, adiando também alguns prazos. A campanha eleitoral que começaria oficialmente no dia 16 de agosto agora terá início em 26 de setembro. As convenções partidárias, que estariam acontecendo agora, poderão ser realizadas a partir do dia 31 de agosto. Na TV, a propaganda começa no dia 9 de outubro e vai até 12 de novembro. Com isso, partidos e candidatos ganharam mais tempo para discutir alianças e coligações.

 

Aprovada doação de R$ 20 milhões à Fiocruz

Além de doar R$ 20 milhões para a recuperação do Museu Nacional, destruído por um incêndio, a Alerj vai doar outros R$ 20 milhões para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) desenvolver o Plano de Enfrentamento ao coronavírus. A transferência dos recursos já foi aprovada pelos deputados e sancionada pelo governador Wilson Witzel. A iniciativa foi liderada pelo presidente da Alerj, deputado André Ceciliano (PT). As duas propostas tiveram a assinatura de vários deputados.

 

Deputado quer equipamentos para Hospital do Câncer

O deputado Jair Bittencourt (PP) está pedindo ao Governo do Estado a transferência de parte dos equipamentos do hospital de campanha de Nova Friburgo, que está sendo desmobilizado, para o Hospital de Oncologia da cidade. O hospital de campanha montado para atendimento durante a pandemia da Covid-19 nunca funcionou, e o desmonte foi confirmado pela Secretaria estadual de Saúde. O governador Wilson Witzel, que precisa de uma bancada na Alerj para chamar de sua, não deveria perder tempo em aceitar o pedido.

 

Na contramão

O deputado Anderson Moraes (PSL) resolveu nadar contra a corrente e apresentou na Alerj um projeto de lei que proíbe o Poder Executivo de tornar obrigatório o uso de máscaras em locais abertos, como ruas, praças e praias. Até as crianças da pré-escola sabem que o uso de máscara é atualmente o meio mais eficaz para conter a disseminação do coronavírus, já que ainda não há vacina contra a doença.

Rosane Felix

Deputada repudia livro LGBT de Xuxa

A presidente da Comissão de Assuntos da Criança, do Adolescente e do Idoso da Assembleia Legislativa do Rio, Rosane Felix (PSD), conseguiu a publicação, no Diário Oficial da Alerj, de uma moção de repúdio ao anúncio de livro com conteúdo LGBT para o público infantil, feito pela apresentadora Xuxa Meneghel. Ela considerou absurda a justificativa de Xuxa de que o assunto será apresentado de uma maneira “para que as crianças possam entender que o amor é mais importante”.

 

TikTok é um mistério para os políticos

Em tempos de pré-campanha, os políticos invadiram o Facebook e o Instagram e usam e abusam das mensagens no WhatsApp, mas pouquíssimos se aventuraram no moderninho TikTok. É um aplicativo apenas para jovens e os chamados “challenges”, é verdade, mas grande parte dos usuários vai votar em outubro, e esse potencial precisa ser levado em conta. O grande dilema é como aderir ao aplicativo sem parecer oportunismo político e criar um movimento contrário, de rejeição. Taí um desafio que nenhum marqueteiro conseguiu vencer até agora!

Siga o Monitor no twitter.com/sigaomonitor