Turismo na capital paulista fechou 2021 com alta de 39%

Em dezembro, empregos gerados no setor retornaram aos patamares pré-pandemia; stor turístico está retomando no Brasil, diz ministro.

O Índice Mensal de Atividade do Turismo (Imat) terminou o ano passado no nível mais alto desde fevereiro de 2020. Em dezembro, o número-índice chegou a 81,9, registrando alta mensal de 3,6% e variação anual de 39%. O indicador, do Conselho de Turismo da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomércio-SP) – realizado em parceria com a SPTuris -, também apontou para a volta dos empregos gerados pelo setor aos patamares anteriores aos da pandemia. No mês, foram 400 mil empregados trabalhando em empresas relacionadas ao turismo na capital. Embora animadores, os resultados não refletem os impactos da variante Ômicron, que, em janeiro, atingiu fortemente o setor, ocasionando cancelamentos em massa e muitas incertezas.

O estoque de empregos do turismo, no município de São Paulo, no 12º mês de 2021, significou um aumento de 1,7% em relação ao resultado de novembro. Na comparação anual, a alta é de 5%. O volume de contratações está relacionado ao crescimento da demanda em eventos, aeroportos, rodoviárias e agências. Assim, cresceu também a necessidade de recompor, gradualmente, o quadro de funcionários.

De forma geral, a retomada do turismo em São Paulo também se beneficiou do avanço da vacinação, que permitiu às empresas e à população voltar a uma relativa normalidade, sobretudo na segunda metade do ano passado. Contudo, apesar da sequência positiva que o setor vem apresentando – com a oitava alta consecutiva do indicador -, o turismo na cidade ainda está 18,1% abaixo do nível de janeiro de 2020 (base da série histórica).

A taxa de ocupação hoteleira na capital registrou aumento de 86%. O porcentual passou de 31,4% para 58,9%, entre os meses de dezembro de 2020 e 2021. Em relação a novembro, houve queda de 13,4%. Esta redução, no entanto, já era esperada. Em novembro, há vários feriados nacionais e um dos eventos mais importantes para a capital paulista, o Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1 (GP São Paulo), os quais contribuem para aumentar a movimentação nos hotéis da cidade. A taxa de ocupação está também acima da observada em janeiro de 2020. Embora sejam períodos distintos, é sinal de que os hotéis já estão voltando ao ritmo pré-pandemia.

O avanço do Imat, em dezembro, também foi alavancado pela movimentação nos aeroportos e nas rodoviárias. Nestas últimas, o aumento mensal foi de 21,1%, e no contraponto anual, um incremento de 45%. Pelos aeroportos, passaram 4,5 milhões de passageiros – 49% a mais do que em dezembro de 2020 e 15,2% acima do registrado em fevereiro. Apesar disso, os resultados de ambos estão abaixo dos patamares pré-crise sanitária (-35% e -26%, respectivamente). O faturamento das empresas do setor foi 11,7% maior em relação a novembro. Já em comparação a dezembro de 2020, a alta foi de 38%.

O indicador é composto por cinco variáveis que têm os mesmos pesos para a criação do índice. São analisadas as movimentações de passageiros dos aeroportos de Congonhas e Guarulhos, assim como dos passageiros das rodoviárias, a taxa média de ocupação hoteleira na cidade, o faturamento do setor do turismo na capital e o estoque de emprego nas atividades exclusivas do turismo. O índice tem sua base no número 100, usada como referência de comparação em janeiro de 2020. Ele pode sofrer mudanças mensais em decorrência dos dados que compõem o cálculo, com a saída de projeções e a entrada de números consolidados na série.

Nesta segunda-feira, o ministro do Turismo, Gilson Machado, disse que o setor no Brasil está retomando a geração de emprego e renda com o avanço da vacinação contra a Covid na população brasileira e com a menor letalidade da variante Ômicron.

“O turismo vem há oito meses consecutivos com números positivos. Em novembro, tivemos um faturamento com o turismo no Brasil de R$ 14,7 bilhões, em dezembro, de R$ 19 bilhões. Entre outubro e final de fevereiro, vamos criar, só no turismo, 500 mil novos empregos de carteira assinada”, disse o ministro.

 

Com informações da Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Venda de álcool em gel cai pela metade

Relaxamento de medidas restritivas causou queda em produtos de limpeza; já material de higiene pessoal cresceu 4,8% de janeiro a abril.

Ministério quer explicações da TecToy sobre carregador

Produto não tem autorização para ser vendido no mercado brasileiro.

ONS: chuvas mantêm afluências estáveis

Reservatórios permanecem sem surpresas na terceira revisão de maio; carga de energia aumentou 2,2% em abril em comparação com 2021.

Últimas Notícias

OIT: crises geraram déficit de 112 milhões de empregos no mundo

Guy Ryder: 'efeitos sobre os trabalhadores e suas famílias, particularmente nos países em desenvolvimento, serão devastadores.'

Banco central da China injeta liquidez via recompra reversa

O Banco Central da China injetou na sexta-feira 10 bilhões de yuans (cerca de 1,48 bilhões de dólares) de recompra reversa, visando manter a liquidez do sistema bancário.

Representante chinês pede coordenação e estabilidade sobre alimentação

Um representante chinês pediu na quinta-feira para que a comunidade internacional trabalhe em conjunto, no objetivo de estabilizar o mercado global de alimentos, garantir suprimentos diversos de alimentos e facilitar globalmente o comércio agrícola.

Venda de álcool em gel cai pela metade

Relaxamento de medidas restritivas causou queda em produtos de limpeza; já material de higiene pessoal cresceu 4,8% de janeiro a abril.