Um sucesso que incomoda

Para todo problema complexo há uma solução simples, porém errada. A máxima vem à mente quando se pensa no Projeto de Lei 4918/2016, conhecido com Lei de Responsabilidade das Estatais, que prevê novos critérios para nomear de diretores destas empresas. Um deles seria a experiência na área, de pelo menos dez anos no setor público ou privado em área conexa à da empresa. Pedro Parente, nomeado presidente interino da Petrobras, só conseguiria ser enquadrado na exigência com muita engenharia política. Mas Nelson Silva, que comandou a britânica BG, comprada pela Shell, no Brasil, que foi nomeado consultor sênior da estatal brasileira, atenderia aos requisitos. O problema é entregar a definição da estratégia da Petrobras para um executivo tão ligado a uma multinacional, especialmente – ainda que por tabela – à Shell, que não esconde de ninguém o apetite pelo pré-sal.

Como matéria neste MM mostrou há pouco mais de um ano, as grandes empresas petroleiras não estão conseguindo repor o petróleo que extraem. A taxa de reposição de reservas – que indica a relação entre a produção de petróleo e o acréscimo de reservas – tem sido negativa. Em 2015, a taxa da Shell foi de 57%; a da BP, de 61%; e da ExxonMobil, a quarta irmã, de 69% – os pioeres valores dos últimos cinco anos. Fonte da Petrobras revela que a estatal brasileira alcançou uma taxa de 131%, ou seja, acrescentou mais óleo às reservas do que produziu.

A mesma fonte diz que o preço do barril de petróleo atingiu o ponto mais baixo em fevereiro passado, e há previsão de aumento gradual até chegar à casa de US$ 80 o barril na primeira metade da próxima década. Com o pré-sal produzindo mais, e mais barato, os lucros são facilmente deduzíveis. Em um momento como este, estratégia é fundamental. E não custa lembrar: a Petrobras é uma empresa estatal, ligada ao desenvolvimento do Brasil.
Cesta

Segundo dados do Ibope Repucom, 61% da população brasileira lembra de alguma marca quando pensa em basquete; o índice aumenta para 83% entre os superfãs da modalidade. A Nike é a mais lembrada entre eles (41%). Oito em cada dez dos superfãs compraram algum produto oficial em 2015, e 67% experimentaria algum produto ou serviço de uma empresa que patrocina um atleta ou time de que gostam muito. Foram entrevistados mil internautas entre setembro do ano passado e março. O Ibope, porém, não revelou o percentual de superfãs.
Distorções

Walfrido Avila, presidente da Tradener, comercializadora de energia, critica os preços no setor: “Estamos tendo, por exemplo, despachos de R$150/mWh, com o preços da ordem mínima de R$70/mWh, mais de 100% superior. Também já tivemos térmicas acima de R$ 1.000/mWh sendo despachadas enquanto os PLDs (preço de liquidação de diferenças) eram bem baixos. São medidas que causaram enormes distorções durante muitos anos e uma conta gorda para os consumidores pagarem até 2020”, critica.
Premiados

Wilson Sons, Lafarge Holcim, Hospital Cardoso Fontes e Maraca Hostel são as empresas que receberão o Prêmio ACRio de Sustentabilidade. Em sua sétima edição, a premiação da Associação Comercial do Rio reconhece micro e pequenas, médias e grandes empresas que atuam no estado. A entrega será nesta sexta-feira, às 10h, na sede da entidade (Rua da Candelária 9, 12º andar – Centro).
Rápidas

Neste sábado, o Secovi-SP completa sete décadas de atividades ininterruptas. Na segunda-feira, às 10 horas, a Assembleia Legislativa de São Paulo realiza sessão solene em homenagem ao Sindicato da Habitação, iniciativa proposta pela deputada estadual Maria Lúcia Amary *** A Associação Brasileira das Empresas de Software (Abes) vai oferecer aos seus associados um ciclo de palestras sobre Aprimoramento da Gestão dos Negócios e da Comunicação. A palestra “Fazer acontecer” começa por São Paulo, no dia 23 próximo, a partir de 9h, no Hotel Bourbon Ibirapuera (Av. Ibirapuera, 2927, Moema – SP). Informações via [email protected] *** Dilma Rousseff é a entrevistada do talk show Mariana Godoy Entrevista desta sexta-feira, a partir de 22h45. O encontro da apresentadora com a presidente afastada ocorreu na manhã desta quarta-feira, no Palácio da Alvorada *** A chapa única que concorreu no pleito à Diretoria do SindusCon-SP foi eleita na quinta-feira com 96,9% dos votos válidos, para o mandato 2016-2018. A posse será em 5 de agosto, quando a diretoria escolherá o presidente e o vice-presidente Financeiro do sindicato para o período *** O Baile do Caxias Shopping (RJ) tem em destaque o forró, nesta segunda *** A Marinha do Brasil está com inscrições abertas para três concursos públicos destinados a preencher 124 nos quadros de médicos (100), cirurgiões-dentistas (13) e de apoio à saúde (vagas para Farmácia, Fonoaudiologia, Nutrição e Enfermagem, no total de 11). Os rendimentos iniciais são de R$ 8.800 após o Curso de Formação de Oficiais. As inscrições para o quadro de apoio terminam na próxima segunda-feira. Detalhes em www.ingressonamarinha.mar.mil.br

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorEm 20 anos, um outro país
Próximo artigoO povo não é bobo

Artigos Relacionados

Indústria naval apresenta propostas para eleições 2022

Setor quer deixar para trás maré ruim dos últimos 7 anos

Brics+ será gigante em alimentos e energia

Bloco ampliado desafia EUA rumo a nova ordem mundial.

Para combater Putin, adeus livre mercado

Teto para preço do petróleo é nova sanção desesperada do G7.

Últimas Notícias

Ford Brasil: Centro global de exportação de serviços de engenharia

Projetos de ponta voltados ao futuro da mobilidade, como veículos elétricos, autônomos e conectados. 

Senado vai analisar vetos na Lei Aldir Blanc

Existe uma fila de 36 vetos aguardando votação dos senadores e deputados

Caixa: desconto de até 44% para regularizar penhor em atraso

As unidades com serviço de penhor disponível podem ser consultadas no site da Caixa

Índice de Preços ao Produtor (IPP) sobe 1,83% em maio

Das 24 atividades analisadas, 21 tiveram alta de preços

Acqio inclui transações via Pix em suas soluções de pagamento

Em abril os pagamentos feitos via Pix atingiram a marca histórica de 11,5%, no comércio eletrônico