Uma nota só

A informação divulgada pelo Wall Street Journal de que a renda dos estadunidenses encolheu apesar da queda da inflação põe em xeque um dos dogmas econômicos mais difundidos, o de que o simples recuo generalizado dos preços é sinônimo de incremento da renda dos assalariados. À inverdade sobre essa tese não se segue a defesa de que mais inflação resulta em melhores ganhos para quem vive de salário, mas, sim, que a economia é fenômeno complexo demais para governos e sociedade restringirem seus esforços a um único objetivo, que, claro, também pode servir de álibi para tentar travar o debate mais amplo sobre um projeto de desenvolvimento nacional.

Militar à frente
A direção da Universidade de Harvard chega nesta quinta-feira ao Rio de Janeiro para visitar o Colégio Militar, instituição que tem enviado mais alunos a faculdades norte-americanas do que as instituições civis do Brasil. Os estudantes do sistema de ensino militar têm ingressado em universidades como Stanford, Chicago e Pensilvânia, com bolsa integral, após a conclusão do processo de seleção.

Devo, não nego… e não pago
A Comissão de Precatórios da OAB-SP mudou de nome. Passa a se chamar Comissão de Dívida Pública. Continuará sendo presidida pelo advogado José Flávio de Souza Brando, tendo como vice-presidente Marco Antonio Innocenti, ambos integrantes do Conselho Federal da OAB. A dívida do Estado de São Paulo em precatórios está em cerca de R$ 18 bilhões e a da prefeitura paulistana, em R$ 10 bilhões.

Pelo ralo
Implantação de rede de esgoto em todas as residências do estado elevaria a renda média e a produtividade do trabalhador fluminense em 2,2%, informa a pesquisa “Benefícios econômicos da expansão do saneamento básico”, encomendada pelo Instituto Trata Brasil e realizada pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Apenas 82,5% dos moradores da capital são atendidos por esgoto. A cidade ocupa a 46ª posição no ranking do Trata Brasil, que lista a situação de 81 municípios brasileiros com mais de 300 mil habitantes.

Prevenção
Os recentes escorregamentos no Estado do Rio de Janeiro –  no início do ano em angra e em abril na Região Metropolitana – serão debatidos no 7º Simpósio Brasileiro de Cartografia Geotécnica e Geoambiental, em Maringá, no Paraná, nesta quarta-feira. Dois representantes do Serviço Geológico (DRM-RJ) falarão na sessão sobre “Prevenção de Riscos e Desastres Naturais”.

Caiu na rede
A utilização e os limites para uso de informações pessoais e a experiência de outros países na proteção de dados serão alguns dos temas abordados durante o seminário internacional Desafios e Perspectivas para a Proteção de Dados Pessoais no Brasil. “Se você não tem controle sobre o perfil que circula no mercado, principalmente na Internet, sua liberdade está sendo cerceada”, afirma Laura Schertel, coordenadora-geral de Supervisão e Controle do Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) do Ministério da Justiça. O evento acontece nestas quarta e quinta-feira, no Hotel Windsor Miramar, no Rio de Janeiro.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGarrote total
Próximo artigoPorto seguro

Artigos Relacionados

Montadoras não vieram; demissões, sim

Promessas de Doria e Bolsonaro para fábrica da Ford não passaram de conversa para gado dormir.

Ganhos de motoristas de app desabam

Renda média é de pouco mais de 1,5 salário mínimo.

Lei determina que estatais respeitem interesse público

Acionistas da Petrobras sabem que ela tem obrigações e bônus por ser de economia mista.

Últimas Notícias

Check-up do acerto de contas com o Leão

Por Sandro Rodrigues

A nova revolução do setor contábil

Por Mauricio Frizzarin.

Ceciliano lidera mais uma frente em defesa do Rio

Governo Federal quer desviar térmicas para o Nordeste.

EUA: 3 em 4 mortes por Covid foram acima de 65 anos

Segundo relatório, óbitos pela doença no país equivalem a ataque de 11 de setembro todos os dias durante 336 dias.