UNGC lança programa CAA na China

O Pacto Global das Nações Unidas (UNGC, sigla em inglês), a maior iniciativa de sustentabilidade corporativa do mundo, anunciou o lançamento do programa Climate Ambition Accelerator (CAA) este ano e publicou a versão chinesa do relatório Net-Zero Standard da iniciativa Science Based Targets (SBTi), no Dia da Terra de 22 de abril.

Foto aérea tirada em 17 de março de 2022 mostra a usina hidráulica de Lianghekou no Rio Yalong, na prefeitura autônoma tibetana de Garze, Província de Sichuan, sudoeste da China. (Xinhua/Shen Bohan)

Xinhua - Silk Road

Beijing, 26 abr (Xinhua) — O Pacto Global das Nações Unidas (UNGC, sigla em inglês), a maior iniciativa de sustentabilidade corporativa do mundo, anunciou o lançamento do programa Climate Ambition Accelerator (CAA) este ano e publicou a versão chinesa do relatório Net-Zero Standard da iniciativa Science Based Targets (SBTi), no Dia da Terra de 22 de abril.

De acordo com Sanda Ojiambo, secretária-geral adjunta do UNGC, estas medidas visam apoiar as empresas chinesas a atingir suas metas de pico de carbono e neutralidade.

Lançado em outubro de 2021, o Corporate Net-Zero Standard do SBTi é a primeira estrutura do mundo para o estabelecimento de metas corporativas de net-zero (zero líquido) em linha com a ciência climática.

O CAA, programa de aprendizado de seis meses lançado pelo UNGC no ano passado, visa equipar mais empresas com o conhecimento e as habilidades necessárias para ajudar a reduzir pela metade as emissões globais até 2030 e atingir o zero líquido até 2050.

Ojiambo observou que está encantado ao ver que mais e mais empresas chinesas estão montando estratégias de zero líquido e tomando ações concretas. Os setores privados conseguem desempenhar um papel fundamental na transição econômica, enviando fortes sinais de mercado e fornecendo soluções inovadoras.

Dados mostram que mais de 2.800 empresas por todo o mundo se inscreveram no SBTi, incluindo mais de 160 empresas chinesas.

Ojiambo espera que a versão chinesa do relatório possa ajudar mais empresas a adotar o padrão e apoiar seus compromissos de zero líquido. Ela pediu para que mais empresas chinesas se juntem à iniciativa, estabeleçam metas de zero líquido e busquem um desenvolvimento de baixo carbono, mencionando que a China é o maior país em desenvolvimento do mundo e os esforços do país realmente importam.

Mais empresas chinesas têm entradas no vagão, incluindo a LONGi Green Energy Technology Co., Ltd., a Jinko Solar Co., Ltd., JD Logistics, Geely e Envision Group, segundo Liu Meng, chefe da Asia Pacific Networks do UNGC.

Liu acrescentou que, a versão chinesa do relatório Net-Zero Standard deve beneficiar os pioneiros chineses das grandes empresas, bem como as pequenas e médias empresas (PMEs) que não têm instruções práticas sobre a redução das emissões de carbono.

O programa CAA oferecerá suporte direcionado às empresas, ajudando-as a desenvolver estratégias de zero líquido e montar plano de metas no período de seis meses, disse Liu. Fim

Leia também:

Parque tropical de Hainan é um destaque do progresso ecológico chinês

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Comércio da China com países do Cinturão e Rota registra crescimento

Os laços econômicos e comerciais da China com os países ao longo do Cinturão e Rota se fortaleceram significativamente na última década, afirmou Sheng Qiuping, vice-ministro do Comércio da China, nesta sexta-feira.

Produção de chá eletrificada impulsiona indústria de chá na China

A produção de chá eletrificada na Província de Hunan, na região central da China, um dos setores de eletrificação rural promovidos pela State Grid Hunan Electric Power Co., Ltd., está ajudando a indústria local de chá a prosperar em uma forma de produção mais verde e eficiente.

JD.com acompanha sua receita líquida crescer 18% no primeiro trimestre

A gigante do comércio eletrônico da China, JD.com, observou sua receita líquida aumentar 18% ano a ano no primeiro trimestre deste ano, informou o China Securities Journal.

Últimas Notícias

Câmara deve colocar em votação PL que desonera tarifas de energia

Em 2021, o Brasil passou pela pior crise hídrica em mais de 90 anos

Metodologia para participação de investidor estrangeiro

Serão considerados os dados de liquidação das operações realizadas no mercado primário nos sistemas da B3

Fitch eleva rating do Banco Sicoob para AA (bra)

Houve melhora do perfil de negócios e de risco da instituição

Petrobras Conexões para Inovação cria robô de combate a incêndio

Estatal: Primeiro no mundo adaptado para a indústria de óleo e gás

Brasil tenta ampliar diálogo com a UE

Debate da recuperação econômica nas duas regiões e discussão sobre as perspectivas das políticas fiscais