Vagas

Conhecida por ser madrasta com os aposentados, a Eletrobrás é a única empresa de economia mista que não paga parte das despesas com saúde dos ex-funcionários. Agora, pretende criar uma fundação – com contribuição dos aposentados – para cuidar deste segmento de saúde. Se o objetivo fosse este, bastaria arcar com parcela dos gastos dos mil e poucos aposentados. O objetivo real é criar um novo cabide de empregos?

Choque
Há cinco anos, esta coluna denunciou: “A Eletrobrás aumentou em 35% as mensalidades do plano de saúde de seus funcionários aposentados. Nos últimos dez anos, o reajuste foi de 752%, muitas vezes superior ao IGP-DI do período (162%) e maior até do que a estratosférica Taxa Selic (600%).”

Padrão
A explosão de bueiros em Belo Horizonte, área de responsabilidade da Cemig – controladora da Light – mostra que os problemas ocorridos no Rio de Janeiro não são discriminação aos cariocas.

171
Um leitor entrou em contato com esta coluna com sua opinião sobre a nota “Maquiagem elétrica”, publicada ontem, que relatava como uma distribuidora de energia estava orientando seus funcionários para enquadrar como investimento o que seria gasto com manutenção. Segundo ele, não se trata de maquiagem, mas de estelionato, mesmo. E deixou a pergunta: “O que a Aneel tem a dizer sobre o assunto?”

FAB
O colaborador desta página 2 Manuel Cambeses Júnior foi entronizado na “Cadeira Especial Infantaria da Aeronáutica”, da Academia de História Militar Terrestre do Brasil. “Este fato, no meu entender, confere acentuado prestígio à briosa Infantaria da Aeronáutica e, por via de consequência, à nossa querida e inolvidável Força Aérea Brasileira”, comenta Cambeses Jr

Cores cariocas
A gigante dinamarquesa Hempel, uma das líderes mundiais na fabricação de tintas especiais para a indústria naval e de revestimento de proteção, acaba de se instalar no Rio de Janeiro, já com uma quantidade significativa de pedidos na carteira. Os planos são de dobrar a sua participação no setor de revestimentos de proteção nacional e manter-se entre as líderes nas tintas especiais e revestimentos marítimos. No plano estratégico do Grupo Hempel para o período 2010-2015 está prevista a construção de sua própria fábrica aqui no Brasil ou a aquisição de uma unidade industrial já em funcionamento.
A empresa está presente hoje em 82 países dos cinco continentes, tem 21 fábricas, oito laboratórios de investigação e desenvolvimento, 47 escritórios de vendas e assistência técnica, 150 pontos de vendas e mais de 3,6 mil empregados.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMaquiagem elétrica
Próximo artigoNo galope da bolsa

Artigos Relacionados

Plano B dos bilionários dos EUA

Fuga dos impostos, de Trump e dos bloqueios levam a dupla cidadania.

É a inflação, estúpido

Preços não dão trégua a Bolsonaro em ano de eleição.

Brasil: 3% da população, 6% dos desempregados do mundo

Pode colocar na conta de Bolsonaro–Guedes.

Últimas Notícias

Mães: tentativas de fraudes caíram 4% de 2021 para 2022

Apesar da queda no volume, valor de fraudes evitadas foi 9,3% superior no período; já sexta-feira, 13 teve aumento de 120% no último ano.

Indústria deve qualificar 9,6 milhões de pessoas até 2025

Segundo a CNI, '79% da necessidade de formação nos próximos quatro anos serão em aperfeiçoamento.'

Gastos com delivery subiram 24% em 2021 ante 2020

Cada brasileiro gastou, em média, R$ 16,21 por refeição fora do lar.

Exportação de sucata ferrosa cresceu 43% em abril

Preços se acomodaram; após pressão forte no mercado em função da guerra e da China, tendência é de normalização no Brasil.

Correspondentes bancários são punidos por irregularidade em consignado

Sidney: 'assédio comercial leva ao superendividamento do consumidor; isso não interessa a ninguém, nem ao consumidor nem aos bancos'.