Vendas de carros importados caem 3,9% em novembro

No acumulado de janeiro a novembro, houve queda de 7%.

As 11 marcas filiadas à Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores (Abeifa), com licenciamento de 5.764 unidades, das quais 1.865 importadas e 3.899 veículos de produção nacional, anotaram em novembro último queda em suas vendas de 8,6% ante outubro de 2021, quando foram comercializadas 6.308 unidades. Comparado a novembro de 2020, a queda é de 3,9%: 5.764 unidades contra 5.996 veículos.

Na importação, as 1.865 unidades vendidas significaram aumento de 16,8% ante as 1.597 unidades de outubro de 2021, mas redução de 26,1% ante novembro de 2020; enquanto na produção nacional – com 3.899 unidades – a queda de vendas foi de 17,2% ante as 4.711 unidades do mês anterior e aumento de 12,3% em relação a novembro de 2020.

Com essas parciais mensais, os dados do acumulado de janeiro a novembro, as unidades importadas significaram queda de 7%: no período, foram registradas 23.257 unidades contra 25.015 emplacamentos de importados em igual período de 2020. Já a produção nacional das associadas à Abeifa acumula, no mesmo período, 43.851 unidades licenciadas contra 27.206 unidades dos primeiros onze meses de 2020, alta de 61,2%.

Somadas as unidades importadas e as nacionais, com total de 67.108veículos nos primeiros onze meses de 2021, as associadas à Abeifa registram percentual positivo de 28,5%. Em 2020, em igual período comparativo, o total de licenciamentos foi de 52.221 unidades.

Na avaliação de João Henrique Oliveira, presidente da entidade, “diante do cenário de instabilidade tanto na importação como na produção local, nossa expectativa é que, ao menos, saia o mais rápido possível a renovação da lista de exceção aos produtos híbridos e elétricos, cujo imposto de importação é de 0% a 4%, dependendo da eficiência energética dos produtos, e que vence no dia 31 de dezembro próximo”.

Participações

Em novembro último, com 5.764 unidades licenciadas (importados + produção nacional), a participação das associadas à Abeifa foi de 3,6% do mercado total de autos e comerciais leves (160.376 unidades). Se consideradas somente as 1.865 unidades importadas, as associadas à entidade responderam por apenas 1,16% do mercado interno brasileiro, enquanto as unidades nacionais, com 3.899 veículos, significaram marketshare de 2,4%.

No acumulado dos primeiros 11 meses, com 67.108 unidades, as associadas à Abeifa representam 3,77% do mercado interno brasileiro, de 1.780.479 veículos emplacados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

PIB dos EUA cai mais que previsto, porém inflação perde ritmo

Recessão não está descartada, segundo analistas.

Otimismo dos comerciantes melhora em maio

Segundo a CNC, é o maior nível desde dezembro de 2021.

Últimas Notícias

B 3 lança novos produtos para negociação de estratégias de juros

Operações são estruturadas de contratos futuros de DI, DAP e FRC

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

JBS tem governança fraca, mas perfil de negócio forte

Brasil corre risco de desabastecimento de diesel

Alerta foi feito inclusive pela direção da Petrobras

Lucros das empresas subiram 55% no primeiro trimestre

Em abril, quase metade das categorias de trabalhadores não conseguiu repor inflação.

PIB dos EUA cai mais que previsto, porém inflação perde ritmo

Recessão não está descartada, segundo analistas.