Vendas no varejo cresceram 0,6% no mês de fevereiro

Bottom line – As vendas no varejo cresceram 0,6% no mês de fevereiro, em linha com as expectativas de mercado e abaixo da nossa expectativa. O índice do varejo ampliado expandiu 4,1%, bem acima da nossa expectativa e da mediana do mercado.

 

Comentários – A leitura de hoje marca a primeira leitura positiva após dois meses negativos. Os destaques positivos se dão para tecidos, vestuário e calçados (7,8%), móveis e eletrodomésticos (9,3%) e livros, jornais, revistas e papelaria (15,4%). Nota-se ainda que não houve nenhuma queda brusca na abertura por atividades, com as maiores quedas registradas por combustíveis e lubrificantes (-0,4%), equipamentos e materiais para escritório (-0,4%) e outros artigos de uso pessoal e doméstico (-0,5%).

A grande surpresa veio no índice do varejo ampliado. O resultado veio puxado pelo crescimento de veículos, motocicletas, partes e peças em 8,8% e de materiais de construção em 2%.

Para o varejo restrito, portanto, alguns itens aceleraram e puxaram o índice para o primeiro valor positivo dos últimos meses, enquanto as demais atividades tiveram crescimento ou queda limitados. Já para o ampliado, a venda relacionada ao setor automotivo foi o principal fator positivo.

Para o próximo mês, espera-se uma desaceleração no índice devido ao recrudescimento da pandemia e da restrição a mobilidade em diversas cidades e estados.

.

Felipe Sichel

Estrategista-chefe do Banco Digital Modalmais

Artigos Relacionados

Volume de vendas do varejo restrito regrediu em março

'Recuo foi acima do esperado por nós (-3,4%) e pelo mercado (-5,1%)', diz Felipe Sichel.

Com medidas restritivas, produção industrial foi fraca no mês passado

Para os próximos meses, esperamos alguma recuperação com o auxílio emergencial e melhora gradativa das condições do mercado de trabalho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Estado do Rio registra 68,8 mil novos MEIs

Alimentação fora do lar foi o segmento com mais abertura de empresas, com 10,4 mil novos microempreendedores.

Volume de vendas do varejo restrito regrediu em março

'Recuo foi acima do esperado por nós (-3,4%) e pelo mercado (-5,1%)', diz Felipe Sichel.

Quase 80% não trabalham totalmente remoto na pandemia

Segundo levantamento sobre adaptação ao modelo de teletrabalho, 49,7% dos entrevistados estiveram na empresa semanalmente.

Tunísia pretende exportar 80 mil toneladas de frutas

País produz pêssegos, nectarinas, damasco, ameixa e estima aumento de 7% na safra de frutas em 2021; grandes importadores são Líbia, França e Itália.

Rio acaba com toque de recolher

Novas medidas têm validade até o dia 20 de maio; medidas podem ser revistas.