Viés de baixa

Menos de três semanas após a Standard & Poor”s (S&P) rebaixar o rating dos Estados Unidos, o presidente da S&P, Deven Sharma, também perdeu o triplo “AAA”. Segundo o Financial Times, Sharma deixará o cargo, sendo substituído por Douglas Peterson, chefe de operações do Citibank. Na presidência da agência desde 2007, Sharma continuará como assessor da companhia McGraw-Hill, a matriz do grupo, durante quatro meses até deixar a empresa no fim do ano. A decisão da S&P foi duramente criticada pelo Governo Obama e como as relações entre esse tipo de agência e governo têm o grau de autonomia que têm…

Liberou
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) retirou o veto referente à verba de pessoal no orçamento do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Dos R$ 19 milhões liberados, quase R$ 15 milhões são para pessoal, e a diretoria da Aneel ainda recomendou que a direção do ONS faça uma revisão no seu Plano de Cargos e Salários (PGCR) e “remunere adequadamente seus experientes profissionais”, comemoram as entidades sindicais reunidas na Intersindical ONS.

Deságio mineiro
Quem deseja liquidar dívidas tributárias com o Fisco mineiro através da compensação com créditos de precatórios judiciais que estão na fila tem até último dia deste mês para fazer o requerimento perante à Advocacia Geral do Estado. A compensação pode ser realizada com precatórios próprios ou precatórios adquiridos de terceiros, informa o escritório de advocacia Brugnara.

Objetividade
O reaparecimento de Saif Al Islam, filho do presidente da Líbia, Muamar Kadafi, menos de 24 horas de ter sua prisão por separatistas líbios noticiada pelos principais veículos da mídia global e seus replicadores regionais, não representou apenas um golpe na guerra de propaganda travada entre os dois lados do conflito. O fato também é um caso exemplar de que como, a despeito dos palavrosos manuais e procedimentos de ética exibidos pela imprensa homogênea, na prática, esse tipo de jornalismo é abertamente parcial e assume explicitamente a versão do lado alinhado aos interesses políticos e econômicos do status quo.

Propaganda&realidade
Não por acaso, Islam escolheu como cenário para seu reaparecimento o hotel, em Trípoli, onde os jornalistas estrangeiros estão hospedados. Diante da presença física do filho de Kadafi no local não houve militância jornalística que tivesse como sustentar sua prisão pelos separatistas.

Terceiro milênio
O professor Marcos Coimbra encerra nesta quarta-feira, com a conferência “O Brasil e o terceiro milênio”, o ciclo de palestras que o Centro Brasileiro de Estudos Estratégicos (Cebres) realiza no auditório do Clube da Aeronáutica (Praça Marechal Âncora, 15 – Centro – Rio, RJ, ao lado do Comar III). “Neste início do terceiro milênio, infelizmente o bravo povo brasileiro não tem o que comemorar”, lamenta Coimbra. A conferência começa às 10h.

Saudades do poder
Inimigo figadal do PSDB do estado quando estava no poder, a bancada do PMDB na Assembléia Legislativa do Paraná não resistiu a oito meses fora do poder. Sob críticas do ex-governador Orlando Pessuti (PMDB), que sucedeu a Roberto Requião (PMDB), quando este renunciou ao governo para se candidatar – e ser eleito – para o Senado, os deputados estaduais peemedebistas aderiraram à administração do tucano Beto Richa. Como álibi para justificar o adesismo, os parlamentares alegaram que Richa – que apoiou com entusiasmo as privatizações perpetradas pelo governador Jaime Lerner – se comprometeu a não transferir para mãos particulares empresas públicas como Copel, Sanepar e Compagas.

Maquiagem borrada
A chamada “política de segurança” do governador Sérgio Cabral, do Rio, começa a fazer água.

Artigo anteriorFábrica de Bin Laden
Próximo artigoPortas abertas
Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

Artigos Relacionados

Juntar 2 meses e meio de auxílio para comprar cesta básica

Não só a pandemia, mas inflação é ameaça às pretensões de Bolsonaro.

Se mirar Nordeste, Bolsonaro atingirá o próprio pé

Região tem menor média de casos e óbitos causados pela Covid.

Neodefensores do trabalhador ignoraram crise

Desemprego já era estratosférico em 2019, e apoiadores de Guedes nem ligavam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas Notícias

Campos marítimos do pós-sal estão em decadência

Os campos marítimos do pós-sal já produziram cerca de 16 bilhões de barris de óleo equivalente ao longo de sua história, ou seja, 63%...

Motoboys protestam em São Paulo

Entregadores tomaram ruas de São Paulo contra baixa remuneração e péssimas condições de trabalho

BC altera norma para segunda fase do open banking

Medida complementa regulamentação que estabelece requisitos técnicos de fase que vai permitir compartilhamento de dados e transações de clientes.

Confiança do consumidor medida por Michigan ficou abaixo do esperado

Índice registrou leitura de 86,5 na prévia de abril e o esperado era 89.

Escolha de conselheiros da ANPD preocupa por conflito de interesses

Entre os indicados há diretores e encarregados de dados pessoais de grandes empresas da internet.