Vox populi

De acordo com pesquisa do Instituto Quantum Research, 57% dos irlandeses “acreditam que a Irlanda não deveria pagar a dívida”. Além disso, dois terços da população são contra a adoção das novas medidas de austeridade anunciadas pelo governo, que incluem a redução do salário mínimo.

Vale a pena ler de novo
Apesar de ser um país pequeno, com 4 milhões de habitantes, a Irlanda está “entre os países de maior sucesso socioeconômico do mundo, medido por indicadores sociais, competitividade, e PIB per capita (maior do que a Itália e a Espanha e aproximadamente igual à França e ao Reino Unido).” A exemplo da Finlândia, o país tratou sua “crise econômica recente como oportunidade para transformações econômicas importantes e deu a volta por cima” Isso aconteceu, porque: “A Irlanda adotou um programa de austeridade fiscal e transformação estrutural. Implementou uma série de programas econômicos nacionais desenhados para reduzir a inflação, reduzir os gastos do governo, aumentar o nível de capacitação de sua mão-de-obra e promover o investimento estrangeiro. De 1985 até 2002, a Irlanda cortou as despesas do governo de 50,7 até 31,8% do PIB e a dívida líquida do governo caiu de mais de 100% até abaixo de 40%. O crescimento de seu PIB foi, em média, 7% ao ano no período 1995-2004.”
O artigo, com ares de ficção científica, poderia ter sido produzido por algum gozador dos dogmas do mercado financeiro, mas é de autoria de Peter T. Knight, ex-chefe da divisão macroeconômica do Instituto de Desenvolvimento Econômico do Banco Mundial (Bird). Knight, que, entre os pontos fortes de seu currículo, destaca, entre outros, sua capacidade de “análise macroeconômica e economia política”, escreveu o texto em junho de 2005. Nele, aconselhava ainda o Brasil a seguir o mesmo caminho irlandês: “Vale a pena tentar-se isso no Brasil.”
Por sorte e, claro, capacidade de mobilização social e política, o governo não tentou.

Emérito
O cientista social Theotonio dos Santos receberá, no próximo dia 15, o título de Professor Emérito da Universidade Federal Fluminense (UFF). Integrante do Conselho Editorial do MONITOR MERCANTIL, Theotonio foi durante muitos anos professor titular da Faculdade de Economia da UFF e é atualmente professor visitante da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). A cerimônia será realizada na reitoria da universidade UFF.

Semente
O Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis do Rio (Sescon-RJ) organiza mais uma campanha de Natal em prol da Associação Semente da Vida (Asvi). A entidade arrecadará, até o próximo dia 10, materiais didáticos e de higiene para as cerca de 140 crianças, de cinco a 14 anos, atendidas pela associação. Os interessados em colaborar podem obter mais informações pelo site www.sescon-rj.org.br

Segunda linha
Ainda que distante do glamour e dos milionários negócios do futebol profissional, as partidas de veteranos que reúnem ex-jogadores também têm seu mercado. Com atuação em São Paulo, no mesmo circuito dos rodeios no interior deste estado, uma empresária conta que as partidas de veteranos do Flamengo, por exemplo, são vendidas a R$ 25 mil cada, para prefeituras paulistas.

Canudo
A Assembléia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou, no última dia 23, projeto de lei regulamentando a contratação de jornalistas na administração estadual. Pelo projeto, o estado só contratará pessoas que comprovem a formação superior em Jornalismo. O projeto, de autoria do deputado Fernando Mineiro (PT), foi aprovado por unanimidade pelos 19 deputados presentes.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDesenvolvimento
Próximo artigoJogo bruto

Artigos Relacionados

Suíça é ponte para exportações à Rússia

Vendas do País que lava mais branco aos russos cresceram mais de 80% desde fevereiro.

Homens pintam melhor que mulheres?

Não, mas recebem 10 vezes mais por obra.

Rio tem opções de áreas para termelétricas

Estado tem as melhores características na Região Sudeste, diz Wagner Victer.

Últimas Notícias

BNDES: R$ 6,9 bi para construção da linha 6 do metrô de SP

Total previsto de R$ 17 bilhões financiados por um consórcio de 11 bancos

Área de oncologia movimenta R$ 50 bilhões no Brasil

Cerca de 625 mil novos casos de câncer são diagnosticados por ano

Títulos públicos prefixados: maiores rentabilidades de julho

Destaque ficou com os prefixados de vencimentos mais longos, representados pelo IRF-M1+

Economia prepara projeto para abrir fundos de pensão ao mercado

Em jogo, patrimônio de R$ 1 trilhão acumulado pelos fundos fechados de previdência.