Webjet e BRA negociam parceria seguida de fusão

As companhias aéreas BRA e Webjet negociam parceria operacional, que deverá funcionar como o início para uma futura fusão. A princípio, as duas companhias acertariam um acordo de code-share para o mercado doméstico, com a opção de uma posterior troca de ações.
A WebJet voa entre as cidades do Rio de Janeiro, Curitiba, Salvador e Porto Alegre tendo assumido seu controle recentemente o empresário Jacob Barata. Já a BRA, possui uma malha maior, mantendo linhas regulares nacionais no segmento de vôos charter. Além disso, a companhia recebeu recentemente a autorização para operar itinerários internacionais, na Espanha e Portugal.
Jacob Barata entrou na empresa no início deste ano e já investiu cerca de R$ 5 milhões na retomada de rotas e no aumento da frota. Enquanto na BRA, o empresário Humberto Folegatti estaria buscando um comprador para a empresa. Há rumores no mercado de que ele já teria iniciado conversações com fundos de private equity. A associação com a WebJet seria uma alternativa para se manter no negócio, com a vantagem de aumentar a escala da companhia e ainda teria um parceiro para dividir o risco operacional, de acordo com o Relatório Reservado.

Marcos de Oliveira
Diretor de Redação do Monitor Mercantil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorGangorra anunciada
Próximo artigo“My land”

Artigos Relacionados

Engie valerá R$ 2,5 bi a mais após acordo com Aneel

Semana passada, o Monitor noticiou que a proposta da Aneel de repactuação do risco hidrológico (GSF) deixaria a conta a ser paga pelo pequeno...

Apelo de Biden ao multilateralismo fica sem crédito

Na ONU, presidente dos EUA desmente mundo dividido em blocos rígidos.

Fintechs e bancos disputam quem cobra mais

‘Não temos vergonha de sermos bancos’, diz Febraban; mas deveriam.

Últimas Notícias

#Occupy Bovespa

Um mês depois de o MST ter-se lançado na Bolsa, MTST ocupa B3, para protestar contra Bolsonaro, especulação, fome e desemprego.

Copom elevou taxa de juros em 1% para 6,25% ao ano

Aguardamos agora a ata que será divulgada na próxima terça-feira para maiores informações sobre a trajetória da taxa Selic.

Alemanha escolhe sucessor de Merkel no próximo domingo

Eleições deverão ser as mais concorridas dos últimos anos; pesquisas indicam vitória do SPD, social-democrata.

Reajuste salarial fica abaixo da inflação em agosto

Fipe: não houve aumento mediano real como resultado de negociações nos últimos 12 meses; desde setembro, índice tem oscilado de -1,4% a zero.

Clima positivo no exterior deve beneficiar índice Bovespa

Mercado internacional opera no positivo motivado por noticiário sobre Evergrande.