Yuan fortalece conforme ativos RMB são considerados como porto seguro

Apesar do caótico mercado financeiro global, a paridade central do yuan chinês, ou Renminbi (RMB), continua fortalecendo para o patamar de 6,328 contra o dólar americano nesta quinta-feira.

Um funcionário conta a moeda chinesa Renminbi (RMB) num banco em Linyi, Província de Shandong, leste da China, 11 ago, 2015.

Xinhua - Silk Road

Beijing, 25 fev (Xinhua) — Apesar do caótico mercado financeiro global, a paridade central do yuan chinês, ou Renminbi (RMB), continua fortalecendo para o patamar de 6,328 contra o dólar americano nesta quinta-feira.

Após atingir uma alta dos 4 anos em 6,3178, um acréscimo de 178 pips no fechamento do mercado spot nesta quarta-feira, a taxa cambial mais forte do yuan chinês contra o USD, segundo analistas, não foi um aumento repentino.

 

— Tendência relativamente independente do yuan impulsionada pela propriedade de “porto seguro”

 

Desde o começo de fevereiro, o yuan chinês em geral se estabilizou e se fortaleceu, apesar da demanda sazonal crescente por liquidação cambial na China, com a taxa de câmbio contra o dólar americano subindo quase 0,5% em relação à 11 de fevereiro da semana anterior, o maior aumento semanal das 16 semanas.

Não apenas em relação ao dólar americano, o yuan chinês também se valorizou em relação às outras moedas estrangeiras importantes. Em 22 de fevereiro, dados do Bank for International Settlements mostraram que o índice nominal da taxa de câmbio efetiva do yuan chinês em janeiro subiu para 128,67, uma alta mensal de 0,09%, marcando o nono aumento mensal consecutivo e também um recorde histórico.

Com a tensão da Ucrânia, as expectativas crescentes sobre a normalização da política monetária nos principais países desenvolvidos e o spread de rendimentos reduzido significativamente recentemente, entre os títulos do governo chinês e do norte-americano, todos deveriam pesar na taxa de câmbio do yuan. O fortalecimento da moeda chinesa atraiu uma grande atenção.

Analistas consideraram o yuan chinês mais forte ao sentimento generalizado de aversão ao risco no mercado global de câmbio (forex), que deu origem às propriedades de “porto seguro” dos ativos denominados em yuan chinês e sustentaram o fortalecimento do yuan.

Chang Ran, pesquisador sênior do ZhiXin Investment Research Institute, disse que o yuan chinês recentemente despertou muita atenção das instituições de investimento europeias e norte-americanas, com a sua relativamente baixa volatilidade e o seu poder de compra estável.

Nas últimas semanas, os preços dos ativos de risco global caíram, em meio aos distúrbios causados ​​por fatores geológicos e às esperanças de alta de juros nos EUA, o que, por sua vez, aumentou a atratividade dos ativos denominados em yuan.

Desde o início de fevereiro, a taxa de câmbio do yuan offshore em relação ao dólar americano permaneceu ligeiramente mais alta do que a do yuan onshore, sugerindo vendas relativamente mais de longo prazo de yuans no mercado internacional, de acordo com Chang.

A equipe de forex do departamento de pesquisa da China International Capital Corporation Limited afirma que, a redução do spread do rendimento entre os títulos do governo chinês e dos EUA em janeiro e a tensão da Ucrânia não desacelerou o investimento estrangeiro nos títulos denominados em RMB, portanto, a rápida valorização do yuan chinês pode resultar das entradas de capital externo em ativos de RMB.

 

— Sem condições para a previsível valorização sustentável do RMB

 

Atualmente, o processo de correção descendente da taxa de câmbio do yuan chinês é interrompido por esse sentimento de aversão ao risco e, antes do declínio do sentimento de aversão ao risco, os ativos denominados em RMB como um porto seguro para os investidores globais resultarão numa taxa de câmbio do yuan ainda mais forte no curto prazo, de acordo com a equipe de pesquisa macroeconômica do CIB Research.

No entanto, o esperado yuan chinês mais forte em relação ao dólar americano provavelmente levará a um encolhimento ainda maior do spread de rendimento dos títulos do governo chinês e americano, o que pode aumentar a pressão de depreciação do yuan.

No médio e longo prazo, o yuan chinês enfrenta pressões temporárias de depreciação, principalmente de três aspectos, do enfraquecimento do suporte do fundamental econômico, da diminuição da demanda de liquidação cambial caso as o crescimento das exportações desacelera e das influências potenciais dos fluxos de capital transfronteiriços, analisou Liu Meng, do departamento de mercado financeiro do China Construction Bank.

No futuro, espera-se que a taxa de câmbio do yuan chinês apresente certa resiliência, mas nenhuma valorização sustentável é previsível, acredita Chang, acrescentando que a tendência da taxa de câmbio do yuan pode ser amplamente independente e os impactos dos possíveis aumentos da taxa nos EUA podem ser relativamente limitados.

Diante destas circunstâncias, a tendência anual da taxa de câmbio do yuan pode ser mais equilibrada e a banda de flutuação bidirecional da taxa de câmbio do RMB provavelmente ficará entre 6,2-6,7, com flexibilidade relativamente forte, observou Chang. Fim

Leia também:

Mercado de cuidados a idosos na China superará RMB10 trilhões em 2022

Xinhua Silk Road
Agência de notícias oficial do governo da República Popular da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigos Relacionados

Investidores estrangeiros mantém níveis de investimento na China

Espera-se que os investidores estrangeiros mantenham as suas tendências de investimento nas ações de categoria A em 2022, com o controle epidêmico nas regiões chinesas e o emergente valor relativo global do mercado de ações da China, informou Xinhua Finance, citando Fang Xinghai, vice-chefe da Comissão Reguladora de Valores Mobiliários da China (CSRC, sigla em inglês) nesta quarta-feira.

Guangzhou da China lança primeiro lote de títulos corporativos de C&R

O Porto de Guangzhou concluiu nesta terça-feira a emissão de títulos corporativos no valor de 1 bilhão de yuans (cerca de 148,4 milhões de dólares) para investidores na Bolsa de Shanghai, representando a primeiro lote dos títulos corporativos de inovação científica e tecnológica 2022 para Cinturão e Rota (C&R), informou Shanghai Securities News.

Os testes chineses para varíola dos macacos obtêm a certificação da UE

Algumas empresas chinesas anunciaram na quarta-feira que seus kits de detecção de ácido nucleico do vírus da varíola dos macacos obtiveram o certificado de registro CE da União Europeia (UE), informou o Shanghai Securities News nesta quinta-feira.

Últimas Notícias

Clorin ganha destaque nos lares e empresas brasileiras

A empresa amplia distribuição da marca Milton no Brasil.

Tokenização: conceitos e casos de uso dessa tecnologia

BC e CVM acompanharão ao longo deste ano as operações dos projetos aprovados nos respectivos sandboxes regulatórios

Sim Pro Samba homenageia Lula Gigante

O Sim Pro Samba começa às 18h30, na Praça dos Professores. Gratuito!

Solução para o investidor no cálculo e declaração do IR

Usufruir de serviços automatizados para o cálculo e o pagamento de DARFs,

CVM divulga estudo sobre ESG e o mercado de capitais

Relação entre o mercado de capitais e o tema sustentabilidade,